Olhar Direto

Notícias / Política MT

Novas medidas

“Não há que se falar em lockdown ainda”, afirma secretário de segurança pública

Da Redação - Isabela Mercuri / Do local - Max Aguiar

01 Mar 2021 - 10:37

Foto: Reprodução

“Não há que se falar em lockdown ainda”, afirma secretário de segurança pública
Após sair da reunião realizada na manhã desta segunda-feira (1) com o governador Mauro Mendes (DEM), o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, garantiu que, apesar de estarem sendo discutidas novas medidas restritivas para tentar frear o aumento dos casos de Covid-19, não haverá ‘lockdown’ no estado, pelo menos por enquanto. As novas orientações, segundo ele, serão passadas diretamente por Mauro.

Leia também:
Em Brasília, Emanuel trata da compra de vacinas e liberação de emenda; vice se reúne com governador

“Não tem nada de novo. O Governo de Mato Grosso, na pessoa do governador, deve mandar para a Assembleia um projeto que todos os estados estão fazendo, mas deixa ele divulgar. Mas não há o que se falar em lockdown ainda”, declarou Bustamante.

O governador Mauro Mendes (DEM) tem uma série de reuniões na manhã desta segunda-feira (1) para discutir a necessidade de medidas mais restritivas para tentar conter a nova alta de casos e mortes do novo coronavírus (Covid-19). A primeira reunião aconteceu com os secretários Rogério Gallo (Sefaz), Marcelo de Oliveira (Sinfra), Gilberto Figueiredo (Ses), Cesar Miranda (Sedec), Basílio Rodrigues (Seplag) e Mauren Lazaretti (Sema).
 
O chefe do executivo estadual também se reúne com o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Max Russi (PSB), José Antônio Borges (chefe do Ministério Público) e Maria Helena Póvoas (presidente do Tribunal de Justiça) e, logo após, com os prefeitos. A audiência para decidir sobre um possível novo decreto para Cuiabá e Várzea Grande acontece às 14h.
 
Segundo Bustamante, as forças de segurança continuarão atuando para que sejam cumpridas as ordens do governador. “Desde março do ano passado as forças de segurança têm ajudado nessas ações que estão sendo feitas em todos os municípios do estado, e não vai ser diferente agora. A gente vai sentar e vai começar a passar um planejamento. Vai ser feitos os meios necessários para cumprir a ordem do governador”, disse.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet