Olhar Direto

Quarta-feira, 23 de junho de 2021

Notícias | Cidades

Mandou jogar no vaso

Em prisão domiciliar, mãe é detida novamente após vender droga na frente dos filhos

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Em prisão domiciliar, mãe é detida novamente após vender droga na frente dos filhos
Uma mulher de 51 anos que não teve a identidade divulgada foi presa na noite de quarta-feira (9) acusada de vender drogas na frente dos filhos menores de 12 anos de idade no bairro Vila Santa Izabel, em Rosário Oeste (125 km de Cuiabá). A suspeita, que estava em prisão domiciliar, ainda estaria utilizando as crianças para vender o material ilícito. 

Leia também:
Casal atingido por táxi está em estado grave e motorista irá responder em liberdade

De acordo com informações da Polícia Civil, a ação resultou na apreensão de várias porções de drogas. A suspeita de 51 anos é reincidente no crime e na ocasião foi autuada em flagrante por tráfico de drogas, resistência e desobediência.

Os agentes da polícia iniciaram as buscas após receberem uma denúncia anônima, feita pelo serviço 197, informando que em um endereço, no bairro Vila Santa Izabel, a moradora vinha realizando a venda de substâncias ilícitas na presença dos filhos.

Em posse das informações, os policiais, então, passaram a monitorar o local e confirmaram a prática criminosa. Durante a inspeção da casa, a equipe viu o momento em que a mulher atendeu um usuário e passou uma porção de droga para a sua mão.

Nesse momento, os policiais se aproximaram do imóvel e abordaram a suspeita, que foi flagrada mandando a filha de apenas 10 anos jogar a droga no vaso sanitário. No entanto, como faltava água na residência, um dos policiais civis conseguiu tirar de dentro da privada várias porções de pasta base de cocaína.

Segundo o delegado Gustavo Godoy Alevado, além da suspeita, a equipe também prendeu um homem de 54 anos que, momentos antes, adquiriu uma porção de pasta base de cocaína. Os dois envolvidos foram encaminhados até a Delegacia de Polícia e interrogados. 

O homem foi liberado e responderá a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por uso de drogas, desobediência e resistência. A mulher deve responder por  tráfico de drogas, resistência e desobediência

Estava em prisão domiciliar

Em setembro de 2020, a mesma mulher de 51 anos de idade foi presa por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Desde então, ela se encontrava em prisão domiciliar por ter filhos menores de 12 anos, sendo, nesta quarta-feira (9), novamente autuada em flagrante por tráfico de drogas. Após o registro dos procedimentos, ela foi colocada à disposição da Justiça.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet