Olhar Direto

Domingo, 25 de julho de 2021

Notícias | Política MT

na Aprosoja

Eduardo Bolsonaro vem a Cuiabá reunir grupo político e falar sobre Instituto Conservador Regional

17 Jun 2021 - 17:30

Da Redação - Isabela Mercuri / Do local - Max Aguiar

Foto: Reprodução / Instagram

Reunião na Aprosoja

Reunião na Aprosoja

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), esteve em Cuiabá na tarde desta quinta-feira (17) e participou de uma reunião política onde falou a respeito do Instituto Conservador Regional. O encontro aconteceu na Aprosoja e reuniu nomes como Reinaldo Moraes (PSD), o ‘Rei do Porco’, e Dilceu Rossatto (Republicanos), ex-prefeito de Sorriso.

Leia também:
Botelho diz que DEM de MT fica ‘de fora’ de discussão sobre expulsão de Maia, mas admite proximidade a Bolsonaro

“Hoje nós estamos aqui numa pauta, Eduardo Bolsonaro esteve aqui conosco, veio a convite para estar aqui em Mato Grosso falando um pouco mais a respeito do Instituto Conservador Regional, então nós estamos vendo que nós temos pautas a ser debatidas aqui em Mato Grosso e no Brasil, que elas vão muito além das próximas eleições”, explicou Reinaldo, que foi candidato derrotado à senatória em 2020.

Segundo Reinaldo, o objetivo do grupo não é ganhar as próximas eleições, mas sim deixar um legado para as próximas gerações. “Nós temos que pensar quais são os princípios, quais são os valores éticos, morais, familiares, princípios de administração pública, de liberdade econômica, então é isso que estamos aqui ajudando a construir. Vai muito além do que você participar de um processo eleitoral ou de pensar em qual cargo você pode contribuir numa eleição estadual. Nós queremos ajudar a construir um Brasil melhor não só para os próximos quatro anos, mas para as nossas próximas quatro gerações”, defendeu.

O ‘Rei do Porco’ não confirmou se será ou não candidato nas eleições de 2022, e garantiu que a reunião não visava políticas eleitoreiras. No entanto, contou que negou os convites do PSL e disse que tenta construir um grupo ‘homogêneo nas suas ideias’. Além disso, afirmou que pode ser o candidato de Bolsonaro se o presidente assim quiser.

“Se o presidente Bolsonaro quiser me incumbir dessa missão, possa ser que eu aceite para poder participar. Mas como eu disse, estamos aqui muito mais preocupados em ajudar na construção”, concluiu Reinaldo.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet