Olhar Direto

Sábado, 24 de julho de 2021

Notícias | Picante

Incomodado

Deputado repudia tenente coronel PM que chamou policial penal de carcereiro em postagem

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Incomodado
O deputado estadual João Batista (PROS) emitiu uma nota de repúdio contra um comentário do tenente coronel PM Rogério Vieira em uma postagem do Olhar Direto no Facebook. A postagem em questão falava sobre a morte do criminoso baleado por um policial penal em uma tentativa de assalto em Várzea Grande, nesta quarta-feira (21). O tenente disse “carcereiro pode andar armado?”. João Batista, que é policial penal, classificou o comentário como “depreciativo, infeliz e mal colocado”. Ele parabenizou a ação dos policiais penais, que segundo ele é digna de uma “Moção de Aplausos”, e disse que a atitude do militar em “debochar” e “depreciar” a situação envergonha a PMMT. “Ele rebaixa um colega que assim como ele, merecia aplausos da sociedade”, disse o parlamentar. João Batista, porém, disse que não desmerece o trabalho de carcereiro, mas “a forma que foi colocada a expressão, dá a entender como deboche, um tom de desmerecimento destes profissionais”. O Olhar Direto entrou em contato com a Polícia Militar, mas a instituição não quis se manifestar, pois a opinião do tenente coronel não representa a PMMT. Após a repercussão do caso o tenente coronel Rogério Vieira se manifestou novamente. Ele disse que sua intenção não era denegrir a imagem institucional. "Eu fiz apenas uma pergunta, de forma alguma quis menosprezar os policiais. Ocorre que após 2014 teve mudança da legislação, da qual eu desconhecia na época da postagem. Peço perdão a todos(as) que sentiram ofendidos não era essa intenção!", disse.




Atualizada às 16h06.

Mais Picantes

Sitevip Internet