Olhar Direto

Sábado, 25 de setembro de 2021

Notícias | Cidades

Suposto latrocínio

Condenado por homicídio é assassinado com diversas pauladas na cabeça e pescoço

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Condenado por homicídio é assassinado com diversas pauladas na cabeça e pescoço
Um homem, identificado como Juliano Gonçalves Leite, de 40 anos, foi encontrado morto na noite desta sexta-feira (23) no município de Juína (a 742 km de Cuiabá). A vítima foi identificada por sua esposa neste sábado (24) após ir até uma delegacia comunicar seu desaparecimento. Na noite em que morreu, o homem saiu de casa por volta das 21h com todos seus documentos e pouco mais de R$ 600. 

Leia também:
Polícia prende dupla suspeita de aplicar golpes de compra e venda pela internet

Conforme apurado pelo Juína News, o corpo de Juliano, que estava ao lado de uma motocicleta de cor preta, foi encontrado por um morador que acionou a Polícia Militar. Ao chegar no local, as autoridades policiais acionaram a Polícia Judiciária Civil (PJC) e uma equipe de Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também esteve presente e confirmou o óbito.  A vítima foi possívelmente morta a pauladas na região da cabeça e pescoço.

A vítima foi identificada na manhã deste sábado após sua esposa ir até a delegacia comunicar seu desaparecimento. A mulher reconheceu o corpo do marido que está no Instituto Médico Legal (IML), onde passa por um laudo de necropsia.

A esposa de Juliano relatou aos policiais que ele nunca saia de casa só e que na sexta-feira havia saído por volta das 21h, sozinho. A vítima levou consigo todos seus documentos e pouco mais de R$ 600 em espécie, que não foram encontrados junto ao seu corpo.

Segundo a esposa, Juliano era uma pessoa de bem, mas no passado havia cometido um homicídio em Tangará da Serra (a 242 km de Cuiabá) e estava em liberdade condicional. O caso está sendo investigado pela PJC, que não descarta a possibilidade de Juliano ter sido vítima de latrocínio.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet