Olhar Direto

Segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Notícias | Política MT

DISPUTA PELO GOVERNO

Wilson afirma que Leitão tem direito de se reunir com Emanuel e reforça prioridade por candidato do PSDB

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Wilson afirma que Leitão tem direito de se reunir com Emanuel e reforça prioridade por candidato do PSDB
Figura histórica do PSDB em Mato Grosso, o deputado estadual Wilson Santos não viu problemas no fato de o correligionário Nilson Leitão ter se reunido com o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) para tratar sobre as eleições de 2022, visando no fortalecimento de um grupo de oposição ao governador Mauro Mendes (DEM).

Leia também:
Emanuel estuda punição para 48 funcionários da educação que insistem em não se vacinar contra a Covid-19

Apesar de a legenda fazer parte da base, o vice-líder do governo na Assembleia Legislativa (ALMT), garante que qualquer tucano tem direito a “defender suas ideias”.

“Ele faz um governo muito semelhante ao que o PSDB pensa. Um governo que respeita o mercado e tem preocupação com os vulneráveis

Sobre o próximo pleito, Wilson reforça que a prioridade do PSDB é ter candidatura própria. “Até agora nenhum filiado prontificou-se a essa candidatura própria”, afirmou, durante live no Instagram do Olhar Direto na semana passada.

Ainda segundo o tucano, caso a continuidade da aliança com Mauro também é uma possibilidade. Afirma que o democrata enfrentou a taxação em relação ao agro, reduziu o tamanho da máquina. Os bons resultados do governo fazem com que o apoio se justifique.

“Ele faz um governo muito semelhante ao que o PSDB pensa. Um governo que respeita o mercado e tem preocupação com os vulneráveis. O que o governador fez é digno de elogios, pois hoje p estado tem quase R$ 4 bilhões em caixa, fruto da coragem e da visão do governador e da sua equipe, de que era preciso adotar medidas duras, até impopulares, porém necessárias”, declarou.

Aproximação com Emanuel

Na semana passada, Emanuel esteve em Brasília DF) e se reuniu com Leitão. Os dois começaram a articular a formação de um grupo alternativo para concorrer o governo. Segundo o prefeito, não foi definido nenhum nome para ser ‘cabeça de chapa’, mas várias lideranças políticas foram citadas durante o encontro. Uma nova reunião está marcada para próximo dia 10 de setembro, antes das visitas dos governadores Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, e João Dória, de São Paulo, a Cuiabá.

Emanuel afirmou que chegou, com Nilson, ao denominador comum de que existem várias forças políticas descontentes com a gestão Mauro que estão ‘dispersas’ e podem ser unidas a partir do diálogo. Dentre os nomes citados por Emanuel estão o prefeito de Rondonópolis José Carlos do Pátio (Solidariedade), a ex-prefeita de Sinop Rosana Martinelli, o ex-prefeito de Sorriso Dilceu Rossatto (Republicanos), o atual prefeito de Sorriso Ari Lafin (PSDB) e o ex-prefeito de Cáceres Francis Maris (PSDB).
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet