Olhar Direto

Sábado, 28 de maio de 2022

Notícias | Cidades

leitos lotados

Menino de 2 anos morre a espera de UTI no Hospital Femina

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Menino de 2 anos morre a espera de UTI no Hospital Femina
Um menino de dois anos faleceu no último domingo (16) enquanto aguardava um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital e Maternidade Femina, em Cuiabá. Em nota, o hospital informou que toda assistência médico-hospitalar possível foi prestada ao paciente. Contudo, diante da lotação dos leitos de terapia intensiva pediátrica em razão da pandemia e do surto da gripe H3N2, foi solicitada a transferência do paciente para outra unidade hospitalar. 

Leia também:
Vendedor conhecido como Sr. Churros morre vítima da Covid-19

O hospital lamentou o ocorrido e esclareceu que fez o possível para estabilizar o paciente até a liberação de um leito ou a sua devida transferência. O garoto deu entrada na unidade médica por volta das 10h30, acompanhado dos pais e da equipe da Help Vida, empresa que oferece atendimento médico domiciliar (home care). 

O paciente encontrava-se com traqueostomia e uso de ventilação mecânica e precisava de uma UTI com urgência. No entanto, o hospital informou que a Help Vida não teria solicitado o leito montado com intendência para receber o garoto.

Diante disso, solicitou ajuda da equipe de fisioterapia que colocou ventilação mecânica na criança e comunicou a médica do plantão sobre o estado gravíssimo do paciente.

Como não havia leito disponível, os pais foram orientados a solicitar a transferência do filho para outra unidade. No entanto, o garoto teve uma parada cardíaca e faleceu às 13h45. A equipe médica ainda realizou os procedimentos de reanimação, mas não adiantou.

Os pais do menino alegaram negligência por parte da maternidade e da Help Vida. A Delegacia de Homicídios esteve no local para fazer a liberação do corpo.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet