Olhar Direto

Domingo, 03 de julho de 2022

Notícias | Cidades

Tentou atacar jovem

Polícia Civil e Politec realizam reconstituição de crime que vitimou homem de 46 anos

Foto: Reprodução

Homem morreu vítima de disparo de arma de fogo.

Homem morreu vítima de disparo de arma de fogo.

A Polícia Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) realizaram na noite de quarta-feira (18) uma reprodução simulada do homicídio de George Gonçalves Moreira, 45 anos, registro em abril deste ano, na cidade de Porto Alegre do Norte (1.140 km de Cuiabá). George teria tentado atacar um rapaz de 26 anos com uma faca, quando acabou atingido por um tiro na cabeça.

Leia também:
Polícia prende dois mas ainda busca outros quatro suspeitos de executarem homens encontrados com mãos e pés amarrados

A reconstituição dos fatos objetivou entender as circunstâncias em que ocorreu o crime, e dinâmica dos fatos que resultou na morte de George.  De acordo com o delegado Antônio Marcos Daga, o procedimento foi bastante produtivo, pois trouxe novos fatos e ainda possibilitou toda a dinâmica da ação criminosa. Além de ter previsão legal no artigo 7º do CPP e tem como finalidade esclarecer as circunstâncias do crime.

“A reconstituição funcionada como importante meio de prova, auxiliando o juiz e os jurados no Tribunal do Júri, bem como visa tirar possíveis dúvidas surgidas na investigação e não deixar dúvida acerca da ação do autor”, disse Antonio Marcos Dago.

O delegado explicou que após a elaboração do laudo da Politec, finalização de outras diligências e conclusão, o inquérito policial será encaminhado para Justiça e Ministério Pública para andamento do processo criminal.
Participaram do ato os policiais civis coordenados pelo delegado Antônio Marcos Daga e equipe da Perícia Criminal do Núcleos de Confresa.

O crime

Na madrugada do dia 08 de abril, George Gonçalves foi assassinado por golpes de arma perfurante, durante uma briga generalizada ocorrida no bairro Setor Imperial, em Porto Alegre do Norte.

Os policiais civis foram acionados pelo Hospital, após a vítima dar entrada da unidade com ferimentos proveniente de uma faca. No entanto, ela não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Segundo apurado o crime foi motivado por desavença e desentendimentos anteriores, entre a vítima e o suspeito de 26 anos.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet