Olhar Direto

Sexta-feira, 01 de julho de 2022

Notícias | Cidades

CINCO MORTOS

Namorada de caminhoneiro e crianças de 3 e 10 anos estão entre vítimas de acidente na BR-163

Foto: Lucas Torres/Só Notícias

Dois dos veículos de carga envolvidos no acidente pegaram fogo

Dois dos veículos de carga envolvidos no acidente pegaram fogo

Familiares de quatro pessoas que morreram em um grave acidente entre duas carretas e um caminhão na BR-163, em Sorriso (a 420 km de Cuiabá), se apresentaram nessa terça-feira (21), para realização de exame de DNA, que deve confirmar a identidade das vítimas. Informações preliminares apontam que a namorada do motorista e duas crianças, de três e 10 anos, estavam em um dos veículos de carga que pegou fogo. 

Leia também 
Corpos completamente carbonizados dificultam identificação de mortos na BR-163; Politec aguarda familiares para DNA

Identificada uma das quatro vítimas carbonizadas em acidente na BR-163

Equipes de resgate localizam mais dois corpos carbonizados na BR-163 e número de mortes sobe para 4; veja vídeo

Dois motoristas morrem em acidente entre caminhão e duas carretas na BR-163


O material genético dos familiares foi colhido pela Politec de Sorriso e será enviado para Cuiabá. O resultado do exame deve confirmar se os corpos são do motorista Ivanildo da Silva Bento, de Sinop, e da namorada dele, Leidiane Borges, de Nobres. 

Na carreta também viajavam os dois filhos da mulher. A identificação dos corpos foi prejudicada por conta do alto grau de comprometimento dos restos mortais das vítimas, que foram carbonizadas após a colisão, que aconteceu no domingo (19). 

Apenas nessa terça-feira (21), o motorista de uma das carretas foi identificado. Cleverson Rodrigo Felipp, de 44 anos, viajava sozinho e também morreu carbonizado. A papiloscopista Tagliane Puhl Heemann, explica que foi preciso utilizar a técnica de luva cadavérica para identificação. 

"Foi utilizada a técnica de luva cadavérica do corpo parcialmente carbonizado, recuperação e reidratação da derme para conseguir a digital. Nos outros três casos não foi possível, pois estão totalmente carbonizados". 

Cleverson era natural do Paraná e o corpo dele foi levado para Ampére (PA), onde moram os familiares, após a identificação. A previsão é de que a chegada aconteça na manhã desta quarta-feira (22) e o velório seja realizado nesta quinta-feira (23). 

Carretas pegaram fogo após colisão 

Com o impacto, dois veículos de carga pegaram fogo e os motoristas morreram carbonizados. O terceiro conseguiu, que dirigia um caminhão, sair com vida e foi socorrido pela equipe da concessionária Rota do Oeste, responsável pelo trecho. 

Inicialmente, a Rota do Oeste informou que todos os motoristas viajavam sozinhos, porém, mais três corpos foram localizados após o resfriamento das carretas que queimaram. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet