Olhar Direto

Quinta-feira, 11 de agosto de 2022

Notícias | Picante

Retrocesso no legislativo

Câmara de Sinop cancela audiência sobre políticas públicas para comunidade LGBTQIA+

Foto: Assessoria

Vereador Moisés do Jardim do Ouro

Vereador Moisés do Jardim do Ouro

A Câmara de Sinop voltou a dar claros sinais de retrocesso. No Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, a Comissão de Direitos Humanos e Defesa da Cidadania e dos Direitos da Criança e do Adolescente resolveu cancelar audiência pública marcada para este 28 de julho, que tinha o objetivo de debater políticas públicas voltadas a diversidade. A decisão foi comunicada pelo presidente da comissão, vereador Moisés do Jardim do Ouro (PL), que publicou nas suas redes sociais o oficio encaminhado ao presidente da Câmara, Elbio Volkweis (Patriota). Conforme o documento, o parlamentar se reuniu com os demais membros da comissão e discutiram o cancelamento do evento que, segundo Moisés, não havia sido autorizado por ele. O requerimento para a realização da audiência foi A petição para a realização do evento foi assinada pelos vereadores Celsinho do Sopão (Republicanos) e Dilmar Callegaro (PSDB). No entanto, para que a audiência fosse autorizada de fato, era necessário que Moisés assinasse e o documento fosse publicado no Diário do Legislativo municipal. O presidente da comissão afirmou que a autora do pedido de audiência, Professora Graciele (PT), distorceu o real tema do evento ao apresentar o requerimento. O objetivo do encontro, segundo o parlamentar, seria a “divulgação do movimento LGBT”, inclusive em escolas. Em resposta, Graciele convocou seguidores e membros da comunidade para ocuparem o gramado do prédio do Legislativo, na tarde de hoje, para realizar o debate que deveria ser feito dentro do plenário.

 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Mais Picantes

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x