Olhar Direto

Quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Notícias / Política MT

Governo abre concurso com mais de cinco mil vagas para todos os níveis

Da Redação - Lucas Bólico

06 Jan 2017 - 18:46

Foto: José Medeiros/GCOM-MT

Governo abre concurso com mais de cinco mil vagas para todos os níveis
O Governo de Mato Grosso vai abrir concurso público para Educação de Mato Grosso com 5.748 vagas para todos os níveis de formação. De acordo com o Gabinete de Comunicação de Mato Grosso, serão 2.617 vagas de nível superior para professor da Educação Básica, 355 de nível médio para técnico administrativo e 2.776 para nível fundamental para apoio administrativo).
 
Leia também:
Marrafon anuncia concurso na Seduc e apela para que professores encerrem greve e continuem diálogo

Para o cargo de professor, a carga horária definida será de 30 horas semanais, atendendo a pedido do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Mato Grosso (Sintep-MT). A Seduc aguarda parecer da Secretaria de Estado de Gestão (Seges) para dar andamento aos trabalhos e posterior divulgação do edital.
 
O concurso cumpre compromisso firmado pela Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) com os trabalhadores da Educação, no ano passado.
 
No orçamento da Seduc para este ano já está assegurado o valor de R$ 5,9 milhões para contratação, por meio de licitação, da empresa que deverá realizar o concurso. De acordo com o secretário Marco Marrafon, o concurso público faz parte do Pró-Escolas, programa desenvolvido pela Seduc que abrange o desenvolvimento de ações nas áreas de ensino, estrutura e inovação, com foco na qualidade do ensino e combate à evasão escolar.
 
“As transformações que visam à melhoria dos índices educacionais exigem a composição de um quadro fixo de docentes e consequente redução da alta rotatividade de professores contratados. A Seduc busca, desta forma, fortalecer e valorizar a formação continuada dos educadores e atender às demandas da comunidade escolar com mais eficiência”, disse Marrafon.
 
Conforme o secretário, a expectativa é de dar início à nomeação dos aprovados ainda no decorrer deste ano. Hoje, a Seduc possui 40 mil servidores, sendo que 22,9 mil são professores. Destes, 9.231 são efetivos e 13.733 contratados. As informaçōes são da assessorial de imprensa.

35 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Suelen
    19 Jan 2017 às 12:40

    Muito bom

  • Ednaldo Aires Pachori
    09 Jan 2017 às 15:46

    Espero q não seja!! " Uma piada Se um compromisso de responsabilidade.

  • PROFESSOR
    09 Jan 2017 às 14:10

    MEUS QUERIDOS, ESSE "PAPINHO FURADO" É PARA FAZER OS CONTRATADOS TERMINAREM O ANO LETIVO 2016 E PASSAR MEL NA BOCA DO SINTEP E ASSIM TODOS SÚDITOS DESSE GOVERNO DÉSPOTA, VÃO SUBMISSAMENTE TRABALHAR 20 DIAS - ASSINANDO UM CONTRATO DE TRABALHO EM QUE ABREM MÃO DE SEUS PROVENTOS, E DEPOIS A MESMA MENTIRA ARDILOSA: - Infelizmente, devido a Lei de Responsabilidade Fiscal e o Estado (leia-se EU Pedro Taca) ultrapassar o teto de gastos, e blá,blá, blá.... OOOO GOVERNINHO CHINCANEIRO......

  • Simone Coutinho
    09 Jan 2017 às 12:59

    Gostaria de saber se para o apoio a carga horária é de 30 horas semanais?

  • Bartolomeu Bueno
    09 Jan 2017 às 08:54

    Só tem que avisar aos eventuais candidatos que esse governo atual é caloteiro e não paga reajustes dos servidores, além de não pagar os salários em dia (coisa que a muito tempo não acontecia).

  • Dalva
    08 Jan 2017 às 14:34

    Quando saí o edital?

  • Fernando
    08 Jan 2017 às 11:55

    Tudo balela! !! Governo mentiroso, se abrir vai enrolar o ano todo e só cadastro reservado, o pessoal do Detran estão aí com uma defasagem enorme pessoal aprovado, acordo feito para chamamentos e não os cumpre. Outro é o sistema prisional que sofrem com o mesmo dilema.

  • Moises
    07 Jan 2017 às 20:15

    A pergunta que não quer calar??? Não tá pagando direito os que estão trabalhando, imaginem mais essa quantidade dita por ele na educação, fora o compromisso de contratar mais outra quantidade na área de Segurança, no mínimo vai dividir o salário do servidor ativo com os prováveis futuros Funcionários Públicos já existente, Pedro esse é o Governador que tem negado seus Funcionários, assim como negou Jesus na cruz, tá de brincadeira, não to falando que não deve contratar, já devia ter contratado, mas segundo diz estar orçamento fica difícil.

  • Amilton Santana
    07 Jan 2017 às 19:20

    só espero que não seja, igual ao do sistema prisional, abriu concurso pra reserva

  • piada
    07 Jan 2017 às 18:47

    esse tempo futuro dele pode não chegar nunca

Sitevip Internet