Olhar Direto

Domingo, 19 de novembro de 2017

Notícias / Política MT

Várzea Grande avança lentamente em 10 anos, mas é uma das piores cidades para se viver

Da Redação - Lázaro Thor Borges

15 Mar 2017 - 16:08

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Várzea Grande avança lentamente em 10 anos, mas é uma das piores cidades para se viver
Ainda que tenha tido um pequeno e lento avanço em dez anos, o município de Várzea Grande ainda está entre os piores lugares para se viver no Brasil. Segundo pesquisa feita empresa de consultoria Macroplan, Várzea Grande é a 8ª pior em serviços públicos de qualidade.

Leia mais:
Lucimar Campos busca formas de aumentar receita de Várzea Grande, mas é contra a aumento de impostos


A pesquisa denominada “Desafios da Gestão Municipal 2017” foi divulgada esta semana e também aponta que Cuiabá ocupa a 59ª posição no ranking. A pesquisa levantou informações sobre os maiores municípios do país, definidos como aqueles com mais de 266 mil habitantes.

Em comparação com o ano de 2005, Várza Grande saltou apenas quatro posições no ranking. Para calcular estes índices, os pesquisadores da Macroplan utilizaram 16 indicadores divididos em quatro áreas distintas: saúde, educação e cultura, segurança e saneamento e sustentabilidade.

O pior desempenho da “cidade industrial” é no quesito infraestrutura e sustentabilidade, em que o município ocupa a 94ª posição. Para a capital mato-grossense os números ainda são um pouco melhores, a cidade saltou da 72ª posição geral do ranking para a 59ª. O pior resultado do município é no item segurança, ficando em 83ª lugar.

Outro lado

De acordo com o secretário de comunicação do município, Marcos Lemos, não é possível considerar o resultado como um dado somente negativo, uma vez que a cidade apresentou avanços em outras áreas. Lemos também disse que, se fosse enxergar por uma outra ótica, daria para afirmar que Várzea Grande está a frente de três capitais brasileiras, são elas Macapá, Boa Vista e Maceió. 

O secretário também lembrou que o relatório é do ano de 2015, quando Lucimar Campos (DEM) havia tomado posse recentemente. Ele concordou, no entanto, que a gestão da democrata ainda não elaborou um plano a longo prazo para o município. A estratégia, conforme afirmou, ainda deve ser pensada durante os próximos anos. 
 
Veja aqui os resultados da pesquisa para os municípios de Cuiabá e Várzea Grande

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Pedro Coelho
    16 Mar 2017 às 10:21

    Temos que agradecer primeiramente a família Campos, todos os dinossauros da câmara de vereadores, o secretários que sobrevivem a todas gestões, a dois irmãos médicos que administraram recentemente a cidade e um velho senhor que dormia bastante em sua gestão. E principalmente ao povo que admiram e defendem com unhas e dentes esses corruptos e incompetentes.

  • Luluzinho
    15 Mar 2017 às 21:16

    CUIABÁ Rainha outras cidades do MT nadinha

  • Dos santos
    15 Mar 2017 às 18:17

    Zé Guaporé, só na tua cabeça que a capital do estado de MT é pior em todos aspectos as demais cidades do estado. Isso demonstra o quanto você não conhece nem a capital, muito menos o estado de MT.

  • Zé Guaporé
    15 Mar 2017 às 16:21

    Cuiabá e Cáceres as piores cidades de MT sob todos os aspectos.

Sitevip Internet