Olhar Direto

Domingo, 19 de novembro de 2017

Notícias / Cidades

Especial Enem 2017: contra o nervosismo da véspera, colégios investem em show e aulas abertas; Veja vídeo

Da Redação - Paulo Victor Fanaia Teixeira

01 Nov 2017 - 09:40

Foto: Acervo Bidu

Banda Sexta Aula

Banda Sexta Aula

É inevitável. Quando o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) se aproxima, o clima da escola muda, o ritmo de trabalho e a própria expressão facial dos alunos e professores são outros. Surgem os chamados “aulões pré-prova” e a ansiedade vem à tona. É possível relaxar? O que fazer na véspera? Estudar ainda mais ou #PartiuNetflix?

Shows com paródias cômicas de conteúdos, aulões abertos à toda Cuiabá, plantões de revisão. As escolas apostam na criatividade para proporcionar um ambiente relaxado aos alunos, sem perder o foco na revisão.

E quanto aos pais? Um ano inteiro de mensalidades... é possível controlar a ansiedade? Qual a abordagem adequada, exigir disciplina ou deixar os filhos em paz?

Nesta segunda reportagem especial sobre o ENEM 2017, Olhar Direto aborda os chamados “aulões de véspera e suas tecnologias" (sic). Sobre isso, conversamos com o orientador educacional do Colégio Coração de Jesus (CCJ) Giovani Lacerda e com o professor de história do Colégio Master Carlos Benjoino Bidu.

O ENEM acontece nos próximos domingos (05 e 12 de novembro), com abertura de portão às 11h (horário de Cuiabá) e fechamento às 12h.

Leia mais:
Especial Enem 2017: professores de Cuiabá listam 15 possíveis temas da redação

Na véspera, rock n´roll e humor:

“No dia 1º, teremos a ‘Banda Sexta Aula’. O que é isso? É uma banda do Colégio Master formada há cinco por professores, que fazem paródias de musicas famosas com conteúdos das disciplinas, mesclando-as com humor. O show, vamos assim dizer, é um grande momento de aprendizado, sobretudo de descontração. Os alunos recebem as letras das musicas antes, para cantarem juntos, eles dançam e relaxam antes da prova. O show ajuda o aluno a se distrair e acalmar antes da prova”, avalia o professor Carlos Benjoino.

Bidu, como é conhecido no colégio, é famoso entre os alunos por seu estilo despojado. Adepto à cultura Pop, dos animes ao HQ, tem sua sala repleta de bonecos e pôsteres, local onde a reportagem foi recebida.  Além disso, o cara é Youtuber, no canal Cebola Frita.

Nem tudo, entretanto, é distração. “Nesta semana, todos os alunos terão revisões de linguagens e humanas e na semana seguinte, exatas e ciências da natureza. Faremos semanas específicas com revisões específicas. Nossos alunos nesta semana não terão nenhuma aula de exatas! É uma forma de dar um último gás antes da prova e de atender ao aluno com mais conforto, para que ele foque na prova daquela semana e da escola organizar seu trabalho”, explica.

E a redação? “Também estamos tendo um trabalho especial com a redação, é dado aos alunos um tema por dia e o professor plantonista os corrige e já comenta com eles os erros e acertos. É uma preparação a mais. Os professores de humanas também estão disponibilizando vídeos e livros extras para que os alunos possam fazer leituras e terem uma melhor preparação para a redação”.

Caneta e cronometro em mãos: 

"Plantão" é uma palavra recorrente no meio acadêmico quando o assunto é pré-ENEM. Há poucos quilômetros do Master, no Colégio Coração de Jesus (CCJ), o preparo é semalhante.

“Nós temos o Plantão do ENEM. Nossos professores, durante esta semana estarão à disposição dos alunos para tirar quaisquer dúvidas. Sugerimos que os alunos peguem as últimas provas do ENEM, as resolvam e depois procurem o plantão do ENEM para sanar alguma dúvida. A idéia é que eles trabalhem as resoluções, cronometrando a resolução, destinando de 2 a 3 minutos para cada questão, para não correr risco de gastar muito tempo com determinada questão”, explica o orientador Giovani Lacerda.



Aula aberta à comunidade: 

Bastante disciplina. Não é à toa. Quem quiser experimentar um pouco dela, a oportunidade é no próximo dia 03. Anote aí:  

“Nesta sexta-feira faremos um aulão de véspera do ENEM, das 14h às 18h30, no CCJ, só com relação à prova do primeiro dia. O evento será aberto ao público, não apenas para nossos alunos, a entrada é 1 kg de alimento não perecível. A idéia é trabalharmos com dicas e resoluções de questões do primeiro dia. Separaremos: no dia 03 serão aulas de linguagens, redação e ciências humanas, que é da prova do primeiro dia. Na semana seguinte à primeira prova, continuamos com revisões de exercícios, discutiremos as questões que caíram, etc. No dia 10 teremos um segundo aulão, para a prova do segundo dia, teremos aulas de matemática e ciências da natureza. A escola, então, além de proporcionar as aulas de revisão semanais, que já estão ocorrendo, encerrará com esta atividade para a comunidade escolar. Toda a cidade está convidada para este aulão”, convida o CCJ.

Refacção: essa palavra...

Fazer, errar, corrigir, refazer. Para que serve essa insistência em um mísero exercício? “No Coração de Jesus nós defendemos muito a refacção, fazer o aluno entender a razão de ele ter errado determinada questão, se foi por bobeira... por exemplo. Olhar uma redação do ENEM anterior sua e pensar: ‘tive nota baixa na Competência X’, OK. Por que eu tive essa pontuação? É preciso compreender. Não basta apontar os erros, é preciso saber por qual razão houve o erro, para evitar repeti-lo".

Inspira! Respira! Não Pira!

Tranquilidade é fundamental neste momento! Saiba que mais vale um candidato meio "vai na fé..." que conclui a prova com sucesso que um CDF preparadíssimo que abandona o exame por desarranjo intestinal. Este aspecto é bastante importante para as escolas de Cuiabá:
 
 
 
Bidu mostra o que já foi feito no Master. “Para deixar este aluno mais calmo, fizemos na última sexta-feira (27) um festival de música. Nele, os alunos tocam, cantam e fazem suas apresentações. Há premiação e tudo, a idéia é promover um evento que não pense somente no estudo, mas na descontração, deixar o aluno mais solto antes da prova”.
 
Para o Coração de Jesus, para manter o controle emocional do candidato "é importante trabalhar a família, ela é parceira nisso", avalia Giovani, que se direciona aos senhores pais, leitores desta matéria:

Atenção:

"Não cobre dos seu filhos, não exija dele neste momento, não queira que ele fique no quarto estudando até tarde. Se a família pressionar, é pior. Vocês são fundamentais neste momento. Eu sempre evito a cobrança, eu falo para eles: ‘Pai, o sistema já cobra deles, você não precisa fazer isso. Seu filho já se cobra, ele quer entrar para uma federal’. O pai cobrar não é o melhor caminho nessa hora, o importante é estar ao lado, dar apoio, mostrar que ele vai conseguir no tempo certo e que agora mesmo ele é capaz. Essa tranqüilidade é importante”.

A professora do CCJ, Juliana Poleto, entrevistada na primeira parte da reportagem acrescenta. “Neste momento é preciso muito carinho da equipe escolar, eles estão bem ansiosos e é preciso controlá-los. Precisamos ser professores e amigos ao mesmo tempo. Eles estudam a vida inteira pensando no ENEM e o no vestibular. Eles mesmos se cobram, pensam no pai que pagou o ano inteiro por uma escola particular e etc. Essa cobrança pode prejudicar ele no final. É hora de relaxar e fazer uma boa prova”.

Uffa...Agora já foi...

Estudado, relaxado e com o devido apoio da parentada, tudo pronto! Não resta nada mais à fazer. Partiu segunda temporada de Stranger Things. Correto? Mais ou menos...

“Você precisa continuar estudando, focando nas revisões, mas também é momento de começar a desacelerar e distrair. De repente ir ao cinema, dar uma volta, dormir mais cedo, preparar o corpo e a mente. Mas parar de estudar, não!”, alerta Bidu. 

“Todo o conteúdo que você deveria ter visto durante o ano, você já viu. Agora é hora de tranqüilizar e trabalhar com revisão. Verificar as últimas provas do ENEM, ver como eles abordam determinadas questões. Não é mais hora de enfiar a cara no estudo durante o dia e a noite para tentar entender algo. O que deveria ser aprendido, já aprendeu. Neste momento, leia muito, se antene aos assuntos do dia-a-dia, isso ajudará na redação. É hora de não se cobrar muito. Pense que você irá lá apenas para resolver exercícios... simples... coisa que você já fez aos montes durante o ano inteiro...”, afirma Giovani.

Já leu a primeira parte da reporagem? Listamos 15 possíveis temas da redação! Corre lá...

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet