Olhar Direto

Segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Notícias / Ciência & Saúde

Levantamento aponta que índice de infestação da dengue caiu para 0,5% em Sinop

Da Redação - Vitória Lopes

02 Jul 2018 - 16:10

Foto: mrfiza / Shutterstock.com

Levantamento aponta que índice de infestação da dengue caiu para 0,5% em Sinop
A prefeitura de Sinop (481 km de Cuiabá), por meio do Centro de Endemia, vinculado a Secretaria Municipal de Saúde, realizou o segundo Levantamento de Índice Rápido por Amostragem (LIRAa), entre os dias 04 e 08 de junho. Nesta etapa foram inspecionados 1949 imóveis e capturadas 25 amostras, sendo 10 com a presença de larvas do Aedes Aegypti.

Leia mais:
MT registra dois casos de sarampo após 19 anos de erradicação e um de febre amarela


O resultado obtido mostra um índice de 0,5% de infestação do mosquito, ou seja, 50% abaixo do preconizado pelo Ministério da Saúde, que é de até 1%. As análises mostram, ainda, uma queda significativa nos números quando comparado com o levantamento realizado em fevereiro deste ano, no qual o índice era de 3,6%.

Esta redução, sendo o coordenador de Vigilância Ambiental de Sinop, Cesário Alves, é o reflexo das várias ações realizadas desde o início do ano, como mutirões de limpeza, visitas quinzenalmente nos pontos estratégicos, tais como borracharias, ferros velhos, oficinas, chapeações entre outras, além de ações no quadrilátero central em parceria com CDL, tiro de guerra, bombeiro militar, ACES.

"Os índices continuam favoráveis, resultado do intenso trabalho que está sendo realizado. As ações continuam, mas não podemos baixar a guarda, sempre orientando a população de que o combate ao Aedes, tem que ser todos os dias", alerta o coordenador.

Além das visitas, distribuição de velas de citronela e campanha educativa, o setor de endemias realizou a aplicação de inseticida com bombas costais seguindo as recomendações do Ministério da Saúde em ações de bloqueio e na vistoria de bocas de lobo, eliminando possíveis criadouros do inseto. Novos Liras serão realizados nos meses de agosto e dezembro, de acordo com a orientação do Ministério da Saúde para quatro levantamentos anuais de acompanhamento.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet