Olhar Direto

Quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Notícias / Brasil

Família de Sean pede intervenção do Brasil por direito de visita

R7

20 Mai 2010 - 15:06

Os advogados dos avós do menino Sean Goldman entraram com um pedido na Secretaria Especial dos Direitos Humanos para tentar garantir o direito de visita da família brasileira ao garoto, que atualmente mora com o pai biológico, David Goldman, nos Estados Unidos.

Entenda o caso Sean Goldman

De acordo com o advogado Frans Nederstigt, os avós de Sean não veem o menino desde dezembro de 2009 e não falam com ele - por telefone ou internet - desde março de 2010. O pedido da família brasileira se baseia nos princípios da Convenção de Haia, que, entre outros temas, trata do direito de visita de familiares de menores em outros países.

Nederstigt explica que os avós de Sean não questionam a guarda do menino, que desde dezembro do ano passado vive com o pai biológico, mas sim o direito de visita, que foi negado por um tribunal de Nova Jersey, nos EUA. O advogado da família brasileira diz esperar que os trâmites na Secretaria Especial dos Direitos Humanos levem cerca de uma semana. Depois disso, o pedido deve ser encaminhado ao governo americano.

De acordo com Nederstigt, a família brasileira de Sean também se reuniu com o presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado, o senador Cristovam Buarque, para pedir o acompanhamento do caso.
Sitevip Internet