Olhar Direto

Sexta-feira, 26 de abril de 2019

Notícias / Educação

Estudantes de Cáceres recebem bolsas para estudar medicina na Bolívia

Da Redação - Isabela Mercuri

19 Jan 2019 - 14:15

Estudantes de Cáceres recebem bolsas para estudar medicina na Bolívia
Quatro formandos de cursos técnicos do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) receberam, na última quinta-feira (18), bolsas de estudos para estudar medicina na Universidade de Aquino Bolívia (Udabol). As bolsas são resultado de uma parceria do campus Cáceres do IFMT com o consulado da Bolívia.

Leia também:
Prefeitura investe R$ 1,5 milhão em escolas para o ano letivo 2019
 
De acordo com a assessoria, os estudantes agraciados com a bolsa foram Abdenego Saldanha Domingos, Ranikelly Vivian dos Santos, Natália Martins de Morais e Leonildo Rodrigues Verdecio. A cerimônia de entrega das bolsas foi presidida pelo Cônsul Emílio Tamayo Oblitas.
 
"Será um desafio bem grande. Não é somente por mim, pela minha família, mas é em prol da vida, em prol da sociedade", afirma Leonildo, que, acompanhado do pai, o motorista Inácio Verdécio, recebeu o certificado da bolsa e comemorou a oportunidade de ingressar em um curso de medicina.
 
Marcus Taques, pró-reitor de extensão do IFMT, também esteve na cerimônia, e comunicou o propósito da instituição de estreitar os laços com os países da América Latina e de, modo particular,  com os países vizinhos, a exemplo da Bolívia. 
 
Ele destacou, ainda, a parceria com o consulado da Bolívia no Brasil, que se aprofundou a partir da oferta pelo IFMT Campus Cáceres, em 2017,  de curso de Formação Inicial e Continuada na área de bovinocultura para estudantes de San Matias.
 
Outro fruto desta parceria foi o início da oferta de bolsas da Udabol para alunos de Cáceres. João Marcos Fornazari Ferri, um dos alunos da cidade, já concluiu o primeiro ano do curso de medicina na Bolívia. 
 
De acordo com o embaixador de relações internacionais do IFMT Campus Cáceres, professor Marcos Pereira, a expectativa é que ainda neste ano outras ações sejam desenvolvidas a partir da parceria entre o campus e o consulado, como a oferta de curso de Formação inicial e Continuada em Informática e Agropecuária para estudantes bolivianos do Instituto Tecnológico Professor Roberto Pillai Herrera.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Médica de araque
    19 Jan 2019 às 15:49

    Conte-me mais sobre isso... quer dizer que tá rolando bolsa pra fazer med na Bolívia, okey. E depois que termina, qual o retorno? uma vez que não é aceito no Brasil, a menos que tenha passado pelo REVALIDA. Brasil não tá em crise pra fazer um investimento desses né..incerto! pão e circo!

Sitevip Internet