Olhar Direto

Quinta-feira, 23 de maio de 2019

Notícias / Política MT

Emanuel critica individualismo e cancela Festival 300 Anos após veto do Governo do Estado

Da Redação - Patrícia Neves

21 Mar 2019 - 16:37

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Emanuel critica individualismo e cancela Festival 300 Anos após veto do Governo do Estado
O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), anunciou na tarde desta quinta-feira (21) o cancelamento do “Festival 300 Anos”, planejado para ser a comemoração oficial do aniversário da capital. Na manhã de hoje, o Governo do Estado anunciou que em comum acordo com a Prefeitura de Cuiabá o evento não mais seria executado na Arena Pantanal e, sim, no Memorial Sesi Papa, instalado no bairro Morada do Ouro, na capital.

Pinheiro, que está em Brasília para resolver questões pertinentes à Santa Casa de Misericóridia, gravou um vídeo expondo seu descontentamento. 

Leia mais:
Após notificação do MP, Estado veta festa dos 300 de Cuiabá na Arena Pantanal

A mudança do local da festa, segundo anunciado pelo Governo, atendeu a notificação do Ministério Público Estadual em razão do temor de que o evento causasse danos ao gramado da Arena. Além do MPE, a Federação Matogrossense de Futebol também havia se manifestado contra a realização do evento que reuniria grandes nomes como Leonardo, Zezé de Camargo, Jota Quest e Chitãozinho e Chororó, dentre outros, em uma festa gratuita à população.

“Dessa vez não trago boas notícias, mas necessárias e comunico o cancelamento que seria realizado nos dias 6, 7 e 8 de abril. Em virtude do individualismo de alguns setores, nossa capital não será mais presenteado com essa linda festa”, disparou.



Ele relembra ainda que a comemoração não implicaria em nenhum custo ao Executivo Municipal. "Aquela linda festa, aquele momento emblemático. Há mais de 8 meses estamos realizando e que seria custeado 100% com recurso da iniciativa privada. Quero agradecer aos nosso parceiros, Itaipava, Águas Cuiabá, Águas Puríssima, Energisa, Comper, Posto Bom Clima, MRV, MTU, Verde Transportes e vários outros companheiros que patrocinaram toda a estrutura e também os shows já confirmados dos nossos artistas regionais, grandes talentos locais, e da banda Jota Quest, Zezé de Camargo e Luciano, Leonardo, Chitãozinho e Xororó, que se apresentariam em um único dia".

Na manhã de hoje, o Governo informou que a Arena é multiuso e que está preparada para receber shows dentro de um calendário possível. No calendário anual poderão ser realizados diversos eventos. O problema neste caso é que a data do evento coincide com a semifinal e final do campeonato estadual, e início dos jogos da Série B.

Para evitar o risco de Cuiabá receber sanções, como a perda de um ano de jogos da 1° fase do Campeonato Brasileiro Série B, além do risco de a festa de aniversário ser cancelada a poucos dias do evento em caso de judicialização da questão, foi tomada a decisão de não utilizar o espaço, disse o Governo por meio de nota.   


"Quero agradecer a todos os artistas e pedir desculpas a eles e também agredecer o apoio a CDL, o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Universidade Federal de Mato Grosso, Orquestra Sinfônica, Casa de Festas e o instituto Ação Cultural. Apesar do planejamento de trazer aquilo de mais tecnológico para a garantia da manutenção da Arena Pantanal, a Federação Mato-grossense de Futebol nos acusou antecipadamente que estragariamos a grama do estádio. Demos todas as garantias, mas não foram suficientes, e olha que a Arena Pantanal foi criada para ser multiuso, não só um placo de estádio futebolístico. Aliás, como funcionam todas as arenas no Brasil inteiro", asseverou Pinheiro.

No vídeo ele ainda explica: "soube pelo Secretário de Comunicação, Júnior Leite, que o Secretário de Cultura e Esporte do Estado, deputado Allan Kardec, solicitou que eu falasse com o governador Mauro Mendes ou com o presidente da Federação Futebol, Aron Dresch, mais um vez. Eu estou aqui em Brasilia, atrás de recursos para não deixar fechar a nossa Santa Casa. Não posso deixar a Santa Casa de Misericórdia fechar as portas. Exatamente, é na saúde de Cuiabá que estou investindo todo o meu tempo e todas as minhas energias. Se formos para criarmos uma polêmica, uma celeuma com alguém ou com alguma instituição, que seja por motivos prioritários de Cuiabá, como por exemplo, a nossa Santa Casa, o nosso Hospital Municipal e Pronto Socorro de Cuiabá, o novo HMC, ou os R$ 82 milhões que o Estado até hoje não repassou para a saúde de nossa capital".

67 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • André
    22 Mar 2019 às 21:39

    Esse governador tem que ser Preso . Ué disse que vai estragar o gramado ? Não é arena multiuso uso ? Padrão FIFA ? E tem outra, já que é assim ,tem que acabar com a Expolucas e mais outras festas? Ele não gosta de Cuiabá e nem de servidor público. Acorda povo !!

  • Fátima
    22 Mar 2019 às 21:14

    Saúde em primeiro lugar quem trabalha pracisa recebe senhor Emanuel olha pra quem elegeo vc!????

  • socó baleado
    22 Mar 2019 às 12:45

    Parece que o povo está acordando, chega de pão e circo, o Paletó não vê que a sociedade não que festa e sim trabalho para desenvolver a cidade!

  • Nádia
    22 Mar 2019 às 12:26

    Não concordo em festa para comemorar. Precisamos de asfalto aqui no bairro para meus vizinhos que sofrem com lama e poeira. Consta todo asfaltado e não é verdade, só parte recebeu asfalto.

  • Raimundo Severino.
    22 Mar 2019 às 10:51

    Prefeito!! Já que não era, a prefeitura que iria gastar com a festa. Então pede a esses colaboradores,se os mesmos,não topam remodelar o estadio Dutra. Me parece que essa praça esportiva, é municipal. Seu eu fosse um abastado financeiramente,eu daria esse presente ao meu povo Cuiabano. Construiria mas um lance de arquibancada,do lado próximo ao Sesc, ou do outro lado do campo,como queiram. Ficaria parecido com a arena,de Barretos Sp. Desse lado teria,banheiros,e praça de alimentação,e arquibancadas todas cobertas. As autoridades, só não fazem isso por falta de interesses.

  • Sil
    22 Mar 2019 às 10:34

    Cuiabá não tem o que comemorar. Saúde um caos, coletivos caindo aos pedaços, nao tem carros que atendam a demanda dos usuários, ruas e avenidas esburacadas, enfim, vamos trabalhar!

  • HITLER
    22 Mar 2019 às 10:04

    que festa o que. o povo precisa é de saude., segurança., para com esse oba oba de festa 300., acorda., pega esse valor invista nos bairros mais necessitados., na santa casa., faz alguma coisa de util.,

  • Cidadão Cuiabano
    22 Mar 2019 às 09:53

    Na Arena do Palmeiras, onde supostamente o piso é usado, há fartas notícias na midia de que no final do ano passado o gramado estava imprestável, tanto que tiveram que trocar. E olha que lá há uma empresa administradora da arena com interesse comercial de que o gramado esteja em perfeitas condições. Agora, se Cuiabá não tem outro local pra fazer um evento (de caráter duvidoso nas atuais circunstâncias), realmente não há nada pra comemorar. Quem sabe um enterro simbólico pra expor nossas mazelas?

  • Salcheado
    22 Mar 2019 às 09:36

    Esse prefeito na realidade, já era para estar preso a muito tempo, está no lucro. Se falar em festa, no momento que a saúde está um caos é algo que não tem cabimento. A santa casa está nessa situação, por culpa desse prefeito, que só sabe gerir o dinheiro que tem no paletó...!!!

  • Renato
    22 Mar 2019 às 09:18

    300 anos jogando esgoto no rio Cuiabá e pantanal, quando será que teremos governantes que realmente se preocuparão com o Rio Cuiabá, ou vão esperar este rio virar um esgoto a céu aberto como o rio tiete.

Sitevip Internet