Olhar Direto

Domingo, 19 de janeiro de 2020

Notícias / Cidades

Dupla é presa por roubar carga de carne avaliada em R$ 360 mil a mando de dono de mercearia em VG

Da Redação - Fabiana Mendes

09 Dez 2019 - 10:20

Foto: Divulgação - PMMT

Dupla é presa por roubar carga de carne avaliada em R$ 360 mil a mando de dono de mercearia em VG
Dois homens identificados como Francisco das Chagas Neto e Juilson Rodrigues de Morais Filho foram presos por suspeita de roubar uma carga de 30 toneladas de carne avaliada em R$ 360 mil. O episódio aconteceu na noite de domingo (8), no bairro Mapim, em Várzea Grande. O suposto mandante e dono de uma mercearia localizada no bairro São Matheus, identificado como G.J.S, não foi localizado pela Polícia Militar.

Leia mais:
Criança de 11 anos morre após se desequilibrar em motocicleta ao cumprimentar tratorista

Conforme relato do motorista de caminhão, por volta das 20h30, ele teria parado para abastecer em um posto de combustíveis, na Rodovia dos Imigrantes, quando foi abordado por dois suspeitos. Eles anunciaram o roubo e levaram a vítima para uma caminhonete, de cor prata, onde uma terceira pessoa estaria na direção e um quarto no banco do passageiro.

O motorista foi mantido refém e teve um saco plástico colocado na cabeça. Enquanto isso, um criminoso assumiu a direção do caminhão e seguiu sentido Rondonópolis. Já a vítima ficou sob a mira dos criminosos por várias horas até que foi liberada a cerca de três quilômetros de Jangada. O motorista procurou ajuda da Polícia e registrou um boletim de ocorrência relatando o roubo.

Por volta das 23h30, o caminhão foi localizado na Comunidade Pai André, com a câmara fria aberta e a carga sendo saqueada por Francisco e Juilson. Eles estavam colocando a carne em um Fiat Fiorino, mas ao visualizarem a PM, tentaram fugir e acabaram detidos.

Na ocasião, confessaram que teriam sido contratados por G. para retirar a carga do caminhão e levar para a mercearia dele, no bairro São Matheus. Pelo 'serviço', cada um receberia a quantia de R$ 1 mil e algumas peças de carne. Na sequência, os militares foram até a casa do mandante G., no bairro Gonçalo Botelho, onde conseguiram recuperar outras peças carne, que estavam em um Fiat Uno. No entanto, o suspeito não estava no local. 

Na residência a PM também apreendeu 23 maços de cigarros, uma mala com diversos chinelos, que aparentavam ser produtos de furto. A empresa responsável pelo monitoramento do caminhão foi acionada. A carga ficou sob cuidados de um representante de uma seguradora. A Polícia Civil investiga o caso. 

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • GONCALO FRANCELINO DE LARA
    10 Dez 2019 às 07:49

    Fala do milagre mas não coloca o nome do santo, tem que colocar o nome da mercearia e do receptador , se o cidadã de bem compra nessa mercearia essas mercadoria mesmo sem saber ele também é um receptador, então de nada resolve vcs dar a notícia da apreensão dos produtos e detenção dos criminosos e não colocar o local de onde estão sendo vendido esses produtos, pode ser que eu faça compra nesse mercado e estou contribuindo com o crime comprando lá.

  • Critico
    09 Dez 2019 às 13:04

    Com essa Justiça MT tds permaneceram na rua

Sitevip Internet