Olhar Direto

Quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

Notícias / Cidades

Rotam descobre 'central de golpes da OLX' e prende cinco em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

16 Jan 2020 - 09:33

Foto: Divulgação - PMMT

Rotam descobre 'central de golpes da OLX' e prende cinco em Cuiabá
O Batalhão de Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam) descobriu uma casa que funcionava como 'central de golpes da OLX', no bairro Altos do Coxipó, em Cuiabá, na tarde de quarta-feira (15). A ação resultou na prisão de cinco pessoas, sendo quatro homens e uma mulher. 

Leia mais:
Militares impedem tentativa de suicídio de mulher na Trincheira da Guia; veja vídeo

Segundo informações da Polícia Militar, por volta das 16 horas, uma equipe recebeu informações de uma residência, na Rua 19, onde uma quadrilha, através das redes sociais, conseguia conversar com vítimas para aplicar golpes. Um dos suspeitos foi localizado em frente à casa.

Ao avistar a aproximação da viatura, ele tentou correr, mas acabou detido com uma máquina de cartão. Nove munições de calibre 22 foram localizadas nas proximidades da casa. No interior, outras quatro pessoas foram detidas. De acordo com a PM, a quadrilha se reunia diariamente para aplicar golpes em Mato Grosso e outros estados.

A quadrilha costumava anunciar produtos em sites de vendas, como a OLX. No entanto, colocava a mercadoria pela metade do preço, o que chamava atenção das pessoas. Os estelionatários então pediam uma quantia em dinheiro como forma de 'sinal' para enviar o produto, que nunca chegaria na casa da vítima.

Uma quantia em dinheiro não divulgada, máquinas de cartão, celulares, e cartões de débito e crédito foram apreendidos. Diante dos fatos, os suspeitos foram encaminhados à Central de Flagrantes para as devidas providências. Vale lembrar que a Polícia Militar não tem mais autorização para passar nome, idade ou iniciais de suspeitos à imprensa. 

17 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • juliana regina
    18 Jan 2020 às 10:47

    Pelo menos põem foto pois se tiver mais vitimas vão reconhecer

  • juliana regina
    18 Jan 2020 às 10:47

    Pelo menos põem foto pois se tiver mais vitimas vão reconhecer

  • José Carlos
    17 Jan 2020 às 23:23

    Enquanto a população não acordar e ver que o legislativo e Judiciário só pensam neles. Não estão nem aí para o povo . Essa lei do abuso de autoridade é um absurdo. Os assaltantes, estupradores e assassinos tem mais direitos e sem nenhum dever e o povo pagando comida, casa e roupa lavada para essa cambada. Quando vao olhar para as vítimas? Chega de impunidade.

  • LUIZ HENRIQUE
    17 Jan 2020 às 13:34

    Tá certo que a gente sempre procura algo mais barato, mas tem gente sem noção também se vê um produto pela metade do preço e não desconfiar. Penso assim.

  • Hercules
    17 Jan 2020 às 10:02

    Todo dia um malandro e um esperto saem de casa, quando eles se encontram, dá "negócio".

  • Jose Olavo
    16 Jan 2020 às 23:37

    Era para colocar a cara deles aqui pra gente saber ! Que jornalismo é esse.

  • Christian
    16 Jan 2020 às 23:32

    Por que não mostra a cara desses fdps?

  • PALHARES
    16 Jan 2020 às 19:44

    E SEGUE A LEI DO CAPETA QUE NÃO PERMITE A DIVULGAÇÃO DOS NOMES DOS MILIANTES. ATÉ QUANDO, ATÉ QUANDO???

  • Felipe Oliari Breinack
    16 Jan 2020 às 16:53

    Dois "espertos", um que acredita fazer um negocio pagando metade do preço e o outro bandido que engana.

  • Atento
    16 Jan 2020 às 16:52

    Ô Luiz, então, sabe a lei de abuso de autoridade? Então, agora a polícia não fala mais os nomes de nenhum desses caras por causa dela. lembra dos protestos que eles fizeram? era por causa disso

Sitevip Internet