Olhar Direto

Terça-feira, 04 de agosto de 2020

Notícias / Meio Ambiente

Sema apreende maior carga de madeira protegida por lei e aplica multa de R$ 3 milhões

Da Redação - José Lucas Salvani

16 Jan 2020 - 16:57

Foto: Reprodução - Assessoria

Sema apreende maior carga de madeira protegida por lei e aplica multa de R$ 3 milhões
A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apreendeu a maior carga de madeira protegida por lei em Mato Grosso nesta semana na operação Pinga Fogo. Durante a fiscalização, 470m³ de Castanheira, espécie protegida, foram apreendidas. Além desta espécie, outros 870m³ de outras madeiras também foram apreendidas, totalizando 1300m³. Cinco foram presos. No total, já foram aplicados R$ 3 milhões em multas.

Leia mais:
Malai Manso terá que pagar R$ 224 mil por impacto ambiental provocado por obras

Entre os preso, quatro foram conduzidos por crimes contra a flora, enquanto uma outra pessoa foi conduzida por porte ilegal de drogas e munições. 

A fiscalização foi realizada por agentes da Sema, do Instituto de Defesa Agropecuária (Indea) e a Força Tática da Polícia Militar. A ação fiscalizatória está sendo realizada nos municípios de Nova Mutum, Cláudia, Marcelândia e Porto dos Gaúchos teve início no dia 6 de janeiro.

Até o momento, foram aplicados R$ 3 milhões em multas, embargadas três madeireiras e mil hectares por desmatamento em desconformidade com a legislação. Os equipamentos utilizados para a prática dos crimes ambientais também foram apreendidos, sendo três caminhões, sete tratores e onze motosserras.

O cidadão pode denunciar crimes ambientais à Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838, nas unidades regionais da Sema ou aplicativo MT Cidadão.

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Wagner.
    17 Jan 2020 às 15:01

    Manchete correta, quando não si tem argumentos típico de um esquerdopata o melhor que tem a fazer e digitar bolsominion.

  • Chico Bento
    17 Jan 2020 às 10:51

    Manchete correta, os maiores desmatadores do Brasil São o Lulinha e a colada do pai dele Marina Silva. Se toca cara!

  • Manchete correta
    17 Jan 2020 às 09:19

    Polícia prende 5 bolsominions que desmatavam ilegalmente e faziam contrabando de madeira.

  • Egídeo
    17 Jan 2020 às 07:32

    O abuso é tanto e a certeza da impunidade que tratando-se de madeira o nortão é terra de ninguém. Enquanto tivermos esses políticos corruptos dando cobertura aos marginais teremos sempre essa situação. E arrecadação mínima.

  • Albizia
    16 Jan 2020 às 21:11

    PARABÉNS AOS FISCAIS DA SEMA E DO INDEA E TAMBÉM A FORÇA TÁTICA DA POLÍCIA MILITAR POR ESSA OPERAÇÃO PINGA FOGO QUE RESULTOU NESSA GRANDE APREENSÃO DE MADEIRA DE CORTE PROIBIDO PROTEGIDA POR LEI, PORQUE A FLORESTA DE CASTANHEIRA DO ESTADO DE MATO-GROSSO VEM SOFRENDO BASTANTE COM O DESMATAMENTO ILEGAL DESSA ESPÉCIE A MUITO TEMPO. A BUSCA INCESSANTE PELO LUCRO A CORRUPÇÃO E O COMODISMO DAS NOSSAS AUTORIDADES SÃO AS PRINCIPAIS CAUSAS DESTE TRÁGICO PROBLEMA, E TAMBÉM A PORTA DO ESTADO ESTÁ ABERTA ( SEM FISCALIZAÇÃO ) PARA O TRANSPORTE DE MADEIRAS COMO A CASTANHEIRA (PROIBIDA DE CORTE) E TANTAS OUTRAS, E AINDA MAIS A FISCALIZAÇÃO DE MADEIRAS SEMPRE INCOMODOU E INCOMODA A MAIORIA DOS DEPUTADOS E AQUELAS MADEIREIRAS QUE QUEREM ANDAR NA ILEGALIDADE, A FLORESTA NÃO É SÓ PARA A PRESENTE GERAÇÃO MAIS TAMBÉM PARA AS FUTURAS GERAÇÕES.

  • Paulo
    16 Jan 2020 às 18:10

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet