Olhar Direto

Notícias / Cidades

Vídeo mostra oficial da Força Tática matando PM da inteligência; veja

Da Redação - Wesley Santiago

29 Mai 2020 - 11:01

Foto: Reprodução

Vídeo mostra oficial da Força Tática matando PM da inteligência;  veja
Vídeo da câmera de segurança de um posto de combustível, localizado no cruzamento das avenidas Rubens de Mendonça (do CPA) e Mato Grosso, em Cuiabá, flagrou o momento em que o soldado Ricardo Ferreira de Azevedo, integrante da 21ª Companhia de Polícia Militar (21ª Cia Centro), é baleado e morto por um oficial da Força Tática, na última quinta-feira (28). Nas imagens, é possível ver que o acusado chega atirando contra a vítima.

Leia mais:
Envolvidos em morte de PM da inteligência pela Força Tática são afastados
 
Nas imagens, é possível ver o exato momento em que o policial militar, à paisana, aborda um dos motociclistas. Rapidamente, uma viatura da Força Tática para na frente do posto e, antes que houvesse qualquer reação, um dos integrantes da equipe atira e atinge o soldado Ricardo Azevedo.


 
A vítima cai atrás da bomba de combustível, ferida, enquanto que os policiais da Força Tática se aproximam.  Depois, é possível ver os PMs da unidade levando o soldado para a viatura e levando-o para o pronto-socorro.
 
Em nota, a corporação lamentou a perda trágica e precoce do policial e informou que todas as medidas para apuração já estão sendo tomadas, inclusive com o afastamento preliminar dos envolvidos para atividades internas.
 
O soldado é do serviço de inteligência e trabalhava na coleta de informações sobre tráfico/uso de drogas, roubos, furtos e demais crimes na região central da Capital.
 
Já no término das atividades do dia, ele e sua equipe foram auxiliar uma equipe do Batalhão Rotam, que procurava uma moto com ocupantes supostamente vinculados a crimes. Ao chegarem ao posto de combustível que fica no cruzamento das avenidas Rubens de Mendonça (do CPA) e Mato Grosso, identificaram  uma moto com as mesmas características da informada.
 
No local, por volta das 21h40min, a equipe da Força Tática se deparou com a ação realizada pela equipe do soldado Azevedo, não o identificou, e efetuou o disparo.
 
Azevedo deixa esposa e filhos. O local do velório e sepultamento não foram informados.

76 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Antônio
    31 Mai 2020 às 16:01

    Chega de dar a culpa aos policiais tanto o que matou como o que morreu. A culpa é do ladrão. Não fosse estes infames não estaria morrendo tanto inocente, acaba com os ladrões acaba com tudo, não tem outra alternativa.

  • Moacir
    31 Mai 2020 às 15:58

    Pra mim o culpado sempre é o que começou fato no caso o ladrão da moto. Não fosse ele nada teria acontecido.

  • Helena
    31 Mai 2020 às 13:05

    Eu sou prima daquele deficiente mental e auditivo (surdo) que foi alvejado com um tiro fatal no coração por não ter ouvido a ordem de parar para a revista e naquela oportunidade houve mais de 10 comentário de milicos defendendo o colega, e até hoje os militares estão prestando o "bom serviço deles" (link abaixo) Brasil precisa de investir em salário de professores, educadores, e também de leis mais severas contra bandidos seja eles de farda ou não, não deu em nada e não vai dar em nada contra os policiais, pois meu primo morava em um bairro de periferia. O fato pode ser conferido no link: https://www.olhardireto.com.br/noticias/exibir.asp?id=354334¬icia=policial-militar-mata-jovem-deficiente-mental-e-auditivo-que-teria-reagido-a-abordagem

  • Olindo
    31 Mai 2020 às 13:04

    Se a abordagem fosse em cima de um policial civil haveria o óbito do mesmo jeito, pois o PM já chegou fuzilando o cara, o que prova que sempre a PM age assim respaldado pelo que o senso comum que a autoriza sob o comando “Bandido Bom é Bandido Morto”, se a vítima que morreu não for policial logo se torna bandido, nem mesmo que que não fosse, a lei que precisa ser severa, mas não temos leis severas, então para a sociedade é melhor que o bandido morra que cumprir a pena e passar muito tempo preso, e um caso sem solução para uma sociedade medíocre em pensamentos e uma polícia que está ai para matar até o dia um dos medíocres forem vítimas ou um dos seus parentes quem sabe assim mudam os seus conceitos, polícia não é justiça e nem pode usurpar o papel da justiça, se a lei é fraca então a justiça e fraca e se lei é forte faz justiça pela justiça e não pela PM ou PJC.

  • josé de souza
    31 Mai 2020 às 11:08

    VAMOS LEMBRAR AO GOVERNADOR MAURO MENDES, QUE NADA FOI PROVIDENCIADO SOBRE A SEGURANÇA PÚBLICA LÁ NA CIDADE DE DOM AQUINO, ADELEGACIA CONTINUA UM LIXO GOVERNADOR, O QUARTEL DA POLICIA MILITAR CONTINUA A VINTE ANOS PARADO A OBRAS, A POLICIA CIVI E A MILITAR ANDANDO DE CARRO SUCATA, A SAÚDE PÚBLICA NEM SE FALA, VAMOS DARMOS A MÃO PREFEITO ZÃO, QUE AQUELA CIDADE ESTA SEM REPRESENTANTE AI AL DE MT, POR DELEGADO CLAUDINEI, NININHO NEM POR VAI, MAX SÓ SABE QUERES OS VOTOS DO POVO DE DOM AQUINO, OUTRO COISA QUE FALO PARA O SENHOR A RODOVIA QUE LIGA DOM AQUINO A JACIARA ESTÁ VIRANDO SÓ BURACOS, OBRAS DA EMPRESA DO DEPUTADO AVALONE QUE É UMA VERGONHA.

  • Crítico
    31 Mai 2020 às 00:58

    Lembram do tenente schaefer que o policial do bope matou por engano ou não... pois é... vergonha muitos policiais...

  • kbça pensante
    30 Mai 2020 às 22:49

    Essa é a prova viva que a política de primeiro atirar pra depois olhar não funciona. O que funciona é força tática, de fato, o que parece estar em falta. Isso é um erro crasso que jamais deveria ter sido cometido, e que infelizmente acontece diariamente com inocentes.

  • MT mais
    30 Mai 2020 às 21:35

    Senhor Governador, PGE e MP. Já esta na hora de suspender imediatamente o serviço de inteligencia da PM, não foi o primeiro caso de falta de protocolo em ações de inteligencia. Vale ressaltar que existe uma doutrina de inteligencia e fazer investigação é papel da policia civil. Infelizmente a PM tem realizado papel da policia civil ou seja a usurpação de função. Policia judiciária que deveria fazer isso ou seja policia civil. Isso Brasil todo. Já deveria ter acabado com isso. Pm e policia ostensiva e preventiva. Investigação função policia civil.

  • Márcia
    30 Mai 2020 às 19:33

    Triste. Muito triste. O policial tbm é humano e passar por diversas vezes por situação de risco, deve ser bem difícil. Se é homem de bem já deve sentir o peso, se foi "armado" alguém vai pagar, seja aqui ou no além. Só espero que a família se restabeleça e que mantenham a fé em Deus. A Justiça sempre é feita, mesmo que não esteja diante de nossos olhos. Que Deus conforte essa família! É também a família de todos os homens de bem!

  • Ahmad Tarif
    30 Mai 2020 às 14:53

    UMA COISA É CERTA, BOLSONARO MILICIANO NO QUER PF NO PÉ DA FAMILICIA. E CADA VEZ MAIS OS BOLSONAZISTAS FAZEM MALABARES PRA DEFENDER O BANDIDO QUE VOTOU.