Olhar Direto

Terça-feira, 22 de junho de 2021

Notícias | Cidades

BR-163

Armas de policiais penais mortos em acidente são roubadas e João Batista cobra providências

Foto: Reprodução

Armas de policiais penais mortos em acidente são roubadas e João Batista cobra providências
As armas de dois policiais penais que morreram na tarde desta terça-feira (6), em um acidente no km 527 na BR-163, em Diamantino (180 km de Cuiabá), foram roubadas. O veículo que as vítimas estavam colidiu em uma carreta. Ao todo, seriam quatro armas dos servidores, sendo duas para uso pessoal e duas do Estado.

Leia também:
Policiais penais morrem em colisão entre carro e carreta na BR-163; vídeos

O deputado estadual João Batista Pereira de Souza, que é policial penal de carreira e presidente da Comissão de Segurança, disse que situações semelhantes aconteceram em outros acidentes.
 
“Essa situação do furto de armas dos policiais que faleceram no acidente, não é a primeira vez que acontece. Tivemos um colega de Alta Floresta que morreu ano passado em acidente e as primeiras pessoas que chegaram ao local furtaram essa arma, pois ela não apareceu. Também tivemos outros acidentes em que as armas não foram encontradas”, comentou.
 
O parlamentar afirmou que irá cobrar providências. “Vamos cobrar providências, inclusive através da Comissão de Segurança Pública para que haja investigação e tentem localizar esse armamento. Primeiro que é arma na mão de pessoas que não estão autorizadas. Segundo, você está em uma cena horripilante em que as pessoas perderam a vida. Ainda tem gente com esse tipo de caráter que chega e furta arma”.
 
O acidente
 
A concessionária Rota do Oeste e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram acionadas às 13h22 para o atendimento da ocorrência próximo ao Posto Gil. As informações iniciais indicavam que dois ocupantes do veículo oficial estariam presos às ferragens, possivelmente em óbito.
 
Um terceiro envolvido no acidente foi resgatado pelo helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). Por conta dos trabalhos, a rodovia teve que ser interditada. 
 
Os policiais seriam da cidade de Alta Floresta e a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) informou que aguarda a identificação das vítimas.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet