Olhar Direto

Domingo, 09 de maio de 2021

Notícias | Cidades

DHPP

Vítima é encontrada morta dentro do banheiro de empresa em Cuiabá

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Vítima é encontrada morta dentro do banheiro de empresa em Cuiabá
Uma pessoa que não foi identificada foi encontrada morta, na manhã desta quinta-feira (22), dentro de uma empresa, que fica no bairro do Porto, em Cuiabá. O acionamento foi feito após a vítima ser  localizada em um banheiro. A principal hipótese é de que ela tenha tirado a própria vida.

Leia mais:
Morre terceiro promotor de Justiça de MT em menos de uma semana por complicações da Covid-19

Segundo as informações preliminares da polícia, o acionamento foi feito pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que foi o primeiro a chegar ao local. A enfermeira narrou que a vítima estava dentro do banheiro da gráfica e foi encontrada já sem vida.

A principal hipótese é de que a vítima tenha se suicidado. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

CVV
 
O Centro de Valorização a Vida (CVV) presta serviço voluntário e gratuito de prevenção do suicídio e apoio emocional para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo. Os cerca de 3 milhões de atendimentos anuais são realizados por 3.000 voluntários em 104 postos de atendimento pelo telefone 188 (sem custo de ligação),  ou pelo www.cvv.org.br via chat ou e-mail. A entidade realiza também ações presenciais, como palestras, cursos e grupos de apoio a sobreviventes do suicídio – GASS (https://www.cvv.org.br/cvv-comunidade/).
 
Sobre suicídio
 
O suicídio é um problema de saúde pública que mata pelo menos um brasileiro a cada 45 minutos, mais do que a Aids e muitos tipos de câncer, porém pode ser prevenido em 9 de cada 10 casos. O movimento Setembro Amarelo, mês mundial de prevenção do suicídio, iniciado em 2015, visa sensibilizar e conscientizar a população sobre a questão – www.setembroamarelo.org.br

Comentários no Facebook

Sitevip Internet