Olhar Direto

Domingo, 22 de maio de 2022

Notícias | Política MT

contratação de pessoal

Após questionamentos, Saúde prorroga prazo de inscrição para processo seletivo com 940 vagas

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Após questionamentos, Saúde prorroga prazo de inscrição para processo seletivo com 940 vagas
A Secretaria Estadual de Saúde decidiu prorrogar o prazo de encerramento do processo seletivo simplificado para contratar 950 pessoas, sendo 790 para o Hospital Metropolitano de Várzea Grande e 150 para o Hospital Regional de Rondonópolis. As inscrições tiveram início no dia 12 de novembro e, inicialmente, terminava na terça-feira (16), um dia após feriado prologando.

Leia também:
Mauro entrega prêmios a Rondonópolis e outros 14 municípios por eficiência na vacinação

O curto prazo gerou questionamentos do Sindicato dos Servidores da Saúde de Mato Grosso (SISMA/MT) e de deputados estaduais, como Lúdio Cabral (PT). Com isso, a inscrição foi prorrogada para até 23h59min da próxima terça-feira (23).

Lúdio chegou a enviar requerimento ao secretário Gilberto Figueiredo, pedindo justificativa para o prazo de inscrição ser tão exíguo. Também questionou se o edital foi publicado no Diário Oficial do Estado, no site da SES ou do governo estadual e qual o motivo de não ter sido feita ampla divulgação desse processo seletivo. O deputado perguntou ainda qual será o critério de classificação dos candidatos e se há previsão de concurso público.

Ao Olhar Direto, a assessoria da SES afirmou que divulgou portaria interna prevendo a realização de processo seletivo simplificado, conforme previsto em lei.

Os interessados nas vagas podem se inscrever gratuitamente pelos seguintes emails:  rh-hrroo@ses.mt.govbr (Hospital Regional de Rondonópolis) e  seletivohelfs@ses.mt.gov.br (Hospital Metropolitano)O resultado final do processo seletivo do Hospital Regional de Rondonópolis será divulgado no dia 30 de novembro e do Hospital Metropolitano será divulgado no dia 6 de dezembro.

Já o Sisma questionou a abertura do processo seletivo sem a devida realização de concurso público, o que estaria em total descumprimento ao que foi estabelecido no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) nº 001/2019 firmado com o Ministério Público em maior de 2019.

O sindicato encaminhou ofícios ao Ministério Público e aos deputados estaduais sugerindo que tomem medidas que visem interrupção da realização do processo seletivo e que se faça cumprir o TAC e consequentemente a realização do Concurso Público na Saúde.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet