Olhar Direto

Domingo, 22 de maio de 2022

Notícias | Cidades

Homicídio

DJ é executado com sete tiros na frente da família ao chegar em casa; filha de dez anos atingida na boca

Foto: Reprodução

Mulher deitada sobre o corpo do DJ

Mulher deitada sobre o corpo do DJ

Um homem de 30 anos, identificado como Renê Souza, foi executado na noite da última quinta-feira (25), no bairro Menino Jesus I, em Sinop. A vítima, que é DJ e dona de um comércio, estava na junto de sua esposa e filha, sendo que esta última acabou ferida com um tiro de raspão na boca.

Leia mais:
DJ é executado com tiros na cabeça por homens encapuzados e mulher baleada no quadril

Informações repassadas às autoridades apontam que o DJ estava chegando em casa, junto com sua esposa e filha, quando foi surpreendido pelos executores.

Ao todo, a vítima foi atingida no braço, perna, costas e cabeça por sete disparos de arma de fogo. 

A filha, de 10 anos, que estava sendo levada pela vitima, foi atingida por um disparo de raspão na boca.
O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas apenas constatou o óbito do DJ. A menina foi encaminhada para atendimento médico. 

O DJ Renê é o segundo músico assassinado em menos de uma semana na cidade.

Na madrugada do dia 24, dois homens usando capuz assassinaram o DJ André Master em uma tabacaria no Jardim Violetas. A vítima e uma mulher foram atingidos pelos disparos. 

Na última quarta-feira (24), Renê publicou em um aplicativo de conversa vídeos de um homem que invadiu o apartamento em que morava.

O suspeito teria pego uma escada para ter acesso ao segundo piso do apartamento. O criminoso entrou e foi surpreendido pela filha de 10 anos quando ela estava indo ao banheiro.

A vítima gritou e acordou o DJ, mas quando ele foi verificar o bandido fugiu deixando o chinelo. (Com informações do Visão Notícias)
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet