Olhar Direto

Segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Notícias | Política MT

convidado por 2 partidos

Contrário à federação com PT, Max Russi nega saída do partido e conversas com PSDB

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Contrário à federação com PT, Max Russi nega saída do partido e conversas com PSDB
O presidente estadual do PSB em Mato Grosso, Max Russi, negou que esteja decidido em sair do partido. Segundo ele, já houve convites de duas siglas, mas qualquer mudança ele irá primeiro conversar com os companheiros de partido. Russi votou contra a federação entre PSB e PT no encontro nacional do partido em dezembro. Na última terça-feira (4), o governador Flávio Dino, liderança nacional do partido, afirmou, via Twitter, que defende a federação.

Leia também:
Russi é ‘voto vencido’ e diretórios estaduais do PSB aprovam federação com PT

A criação das federações foi aprovada pelo Congresso Nacional neste ano. Ao contrário das coligações, neste modelo os partidos têm que atuar unidos nos quatro anos seguintes às eleições, tanto em nível federal quanto estadual e municipal. A intenção é dar ‘sobrevida’ a siglas pequenas. Após a aprovação, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), validou a lei que cria as federações partidárias. Ele fixou um prazo de seis meses antes da eleição para que os partidos decidam e oficializem suas uniões.

“Continuo no PSB, tenho discutido isso com os meus companheiros e qualquer mudança vai ser conversando com todos os companheiros, discutindo, vendo isso”, afirmou Russi na última terça-feira (4). “A princípio é conduzir bem o PSB, que tem montado uma chapa deputado estadual, uma chapa boa deputado federal e teremos bons nomes a apresentar no ano de 2022”, completou.

O presidente estadual confirmou que foi convidado pelo MDB e pelo PRB, mas negou qualquer conversa com o PSDB. “Eu recebi alguns convites, confesso, de alguns partidos aí, quando viram essa proposição, se eu teria interesse, algumas pessoas sondaram, mas do PSDB, PSDB não teve não”, disse. “O PMDB, PRB e outras agremiações que abriram oportunidades, fizeram convites. Mas, à princípio, a intenção nossa é continuar do PSB, fazer essa construção boa que o partido está fazendo e tenho certeza que esse ano de 2022 não vai ser diferente passado onde o PSB cresceu muito em termos eleitorais”, finalizou.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet