Olhar Direto

Sábado, 25 de junho de 2022

Notícias | Cidades

SERIA LEVADA AO MARANHÃO

Polícia Civil apreende mais de 100 tabletes de cocaína em assoalho de carreta e dá prejuízo de R$ 2 milhões ao tráfico

Foto: Reprodução

Polícia Civil apreende mais de 100 tabletes de cocaína em assoalho de carreta e dá prejuízo de R$ 2 milhões ao tráfico
Um trabalho conjunto entre a Delegacia Regional de Pontes e Lacerda e a Delegacia de Repressão a Entorpecente (DRE) da Polícia Civil tirou de circulação mais de 100 tabletes de cocaína que seriam levadas para o Maranhão, durante a madrugada deste sábado (15). A droga estava escondida no assoalho de uma carreta, que foi abordada em um posto de combustível da cidade de Campo Novo do Parecis (distante 345km de Cuiabá). 

Leia mais:
Mais três fugitivos de penitenciária em Água Boa são recapturados; ainda restam sete

A compra do entorpecente teria sido feita pelo tráfico do estado nordestino. Porém, há dias a carga está sendo monitorada e nesta madrugada os policiais conseguiram êxito na apreensão. O caminhoneiro, identificado como Reginaldo Martins de Souza, 52 anos, não demostrou nenhum tipo de reação durante a abordagem. Ele apenas confirmou que a carreta estava "recheada" de droga, mas não sabia onde. 

Por conta disso, os policiais da equipe das delegadas Juliana Plahares, de Cuiabá, e Bruna Laet, de Pontes e Lacerda, começaram o trabalho minucioso e descobriram que a droga estava no assoalho. Com pedaços de ferro, eles conseguiram tirar toda droga da carreceria e encaminhou o entorpecente para Cuiabá, onde será feito o flagrante na DRE. 

A apreensão causou um prejuízo de mais de R$ 2 milhões aos traficantes. O motorista também foi trazido para Cuiabá. A carreta foi entregue para autoridade policial de Campo Novo, para que as medidas necessárias legais sejam tomadas. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet