Olhar Direto

Domingo, 03 de julho de 2022

Notícias | Picante

R$ 13,7 milhões a menos

Após corte do MEC, UFMT estuda ajustes orçamentários

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

R$ 13,7 milhões a menos
A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) informou, neste sábado (28), que teve o montante de R$ 13,7 milhões do seu orçamento discricionário bloqueados pelo Ministério da Saúde (MEC). O anúncio ocorre após a pasta ter anunciado, nesta sexta-feira (27), o corte de 14,5% do orçamento de universidades e institutos federais no País. Apesar da porcentagem anunciada, a UFMT esclareceu que o valor bloqueado pelo MEC equivale a aproximadamente 21,2% do orçamento discricionário da instituição, aquele destinado ao funcionamento da Instituição de Ensino Superior (IES). Na nota, a universidade destacou que o bloqueio não deve atingir recursos do Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) e nem o montante de capital, destinados à compra de equipamentos, mobiliários e construção de novas obras, por exemplo. A UFMT, por meio da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan), também disse que está verificando os efeitos do bloqueio e, posteriormente, deve realizar ajustes orçamentários, tendo em vista a priorização da manutenção do ensino, pesquisa e extensão da instituição.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Mais Picantes

Comentários no Facebook

Sitevip Internet