Olhar Direto

Quinta-feira, 18 de abril de 2024

Notícias | Cidades

VÍTIMA TINHA 5 ANOS

Homem que matou neto da companheira com tiro no peito é indiciado pelo crime de feminicídio: entenda

Foto: Olhar Direto

Homem que matou neto da companheira com tiro no peito é indiciado pelo crime de feminicídio: entenda
A Polícia Civil concluiu nesta sexta-feira (1º) o inquérito que investigava a morte do menino Anthony Gabriel Rodrigues, de apenas 5 anos, morto com um tiro no peito disparado pelo companheiro de sua avó. O autor do disparo, Alaor da Silva, de 40 anos, foi indiciado pelo crime de feminicídio. 


Leia também
Leitão cita descontentamento com administração Dorner e afirma que PSDB terá candidato próprio em Sinop


Preso há cerca de uma semana em uma região na cidade de Nova Brasilândia, o criminoso afirmou à Polícia Civil que a intenção era matar a sua mulher e não a criança. Por isso, segundo o delegado Gabriel Conrado, foi indiciado pelo crime de feminicídio, conforme prevê o artigo 73 do Código Penal. 

A norma versa que “quando, por acidente ou erro no uso dos meios de execução, o agente (investigado), ao invés de atingir a pessoa que pretendia ofender, atinge pessoa diversa, responde como se tivesse praticado o crime contra aquela [pessoa]”.

Na época, o suspeito e a mulher haviam tido uma discussão após ela tê-lo apressado para irem a uma consulta médica. O homem não gostou e então pegou o carro e, de dentro do veículo, fez um disparo em direção à residência. 

O tiro atingiu Anthony Gabriel no peito. A criança foi socorrida e encaminhada à unidade de saúde do município, mas não resistiu aos ferimentos. O homem fugiu, mas foi preso uma semana depois. 
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet