Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de junho de 2024

Notícias | Esportes

DESGASTE NO BRASILEIRÃO

Sequência exaustiva de seis jogos fora de casa afeta desempenho do Cuiabá, afirma Iubel

Foto: AssCom Dourado

Sequência exaustiva de seis jogos fora de casa afeta desempenho do Cuiabá, afirma Iubel


Após a derrota para o Grêmio por 1 a 0 neste sábado (20), pelo Campeonato Brasileiro, o técnico interino do Cuiabá, Luiz Fernando Iubel, compartilhou suas preocupações sobre o impacto do desgaste logístico no desempenho da equipe. Na coletiva após o duelo, Iubel foi franco ao destacar os desafios enfrentados devido a uma sequência exaustiva de seis jogos fora de casa.

Leia mais: Ainda sem pontuar, Cuiabá sofre segunda derrota seguida e se mantém na lanterna

"Não tenho dúvida que é um fator dentre vários fatores", afirmou Iubel ao abordar a influência da logística nos resultados da equipe. Ele ressaltou que o Dourado está enfrentando uma sequência inédita de jogos longe de seus domínios. Desde 2012, período em que já estava envolvido com o clube, Iubel mencionou que nunca vivenciou uma situação semelhante no futebol brasileiro.

Assumindo o comando do clube pela sexta vez, já que atualmente o Dourado está sem técnico há mais de dois meses após a saída de Antônio Oliveira, Iubel detalhou a jornada exaustiva enfrentada, incluindo uma série de compromissos de jogos importantes, como a final estadual, confrontos sul-americanos e a semi final da Copa Verde, em que perdeu a ida por 2 a 0 para o Vila Nova.

Essa maratona resultou em uma impressionante soma de 17 mil quilômetros percorridos em curto período de tempo, e a segunda derrota consecutiva neste começo de Brasileirão, sendo a primeira para o Athletico-PR por 4 a 0.

Apesar de o campeonato estar no começo, faltando mais de 35 rodadas para sua definição, o Auriverde vai encaminhando para o terceiro confronto sem marcar pontos, amargando a lanterna do Z-4.

Mesmo com o suporte logístico oferecido pelo clube, que inclui um departamento de coordenação científica para auxiliar os atletas, a falta de tempo para análise detalhada dos adversários e o impacto no condicionamento físico e na tomada de decisão dos jogadores foram mencionados como consequências diretas desse desgaste.

"Ontem nós treinamos no CT do Internacional pela manhã, mas o treino precisa ser com a carga controlada, porque senão o atleta chega cansado", explicou Iubel, reforçando os esforços da equipe técnica para lidar com as adversidades impostas pelo calendário apertado.

A entrevista de Iubel ofereceu uma visão franca dos desafios enfrentados pelo Cuiabá e destacou a necessidade de uma abordagem integrada para lidar com o desgaste logístico e seus efeitos no desempenho da equipe.

Apesar de ter sido superior no número de finalizações, o Dourado chutou apenas três vezes na direção do gol, ao passo que o Grêmio finalizou quatro e marcou em uma delas, com Cristaldo. Cafú e Matheus Alexandre desperdiçaram a chance de abrir o marcador na etapa inicial e, no segundo tempo, o auriverde apresentou repertório sem criatividade e incapaz de reverter o resultado.

Agora, o Dourado embarca para o Perú, onde enfrenta o Deportivo Garcilaso nesta terça-feira (23) pela Sula, a partir das 20h, na casa adversária. Na sequência, recebe o Atlético-MG, no sábado (27), na Arena Pantanal.

Antes disso, o Dourado viajou até a Venezuela, onde bateu o Metropolitanos por 2 a 0. Em seguida, perdeu para o Furacão no Paraná e depois foi superado pelo Vila Nova, em Goiânia. Ontem sofreu revés para o Grêmio em Porto Alegre e terça vai ao Perú para o novo desafio. Somente no dia 27 volta a jogar sob seus domínios.
Entre no nosso canal do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
 

Comentários no Facebook

xLuck.bet - Emoção é o nosso jogo!
Sitevip Internet