Olhar Direto

Quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Notícias / Política MT

Para Sachetti, entrada de Procurador Mauro na disputa deve ajudar candidatos do interior

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

06 Ago 2018 - 12:10

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Para Sachetti, entrada de Procurador Mauro na disputa deve ajudar candidatos do interior
Lançado candidato ao Senado na chapa de Wellington Fagundes (PR), o deputado federal Adilton Sachetti (PRB) avaliou que a entrada do Procurador Mauro (Psol) no cenário pode beneficiar sua candidatura e a de outros candidatos do interior, pelo grande número de votos que ele provavelmente terá na baixada cuiabana, seu reduto eleitoral.

Leia também
Fagundes se apresenta como legítima oposição a Taques e critica governo "absolutista"


“Se ele está vindo para esta disputa, ele é bem-vindo. Eu acredito que ele tem a capacidade dele e tem o meu respeito como candidato. Mas é a sociedade que vai avaliar. Eu não sou da baixada cuiabana, então ele vindo, com certeza irá dividir mais o voto aqui na região. Na teoria, nos ajuda porque eu sou do interior, mas isso é tudo teoria. Temos que conversar com o povo, porque é o povo que vai decidir. Eu vou trabalhar muito para que eu seja o escolhido. Vou andar, conversar, apresentar propostas, mas é o povo que decide”, disse o parlamentar ao Olhar direto.

No último fim de semana, as convenções partidárias no estado apresentaram onze candidatos para o Senado. São eles: Nilson Leitão (PSDB), Selma Arruda (PSL), Jayme Campos (DEM), Carlos Fávaro (PSD), Adilton Sachetti (PRB), Maria Lúcia (PCdoB), Sebastião Carlos (Rede), Aladir Leite (PPL), Valdir Caldas (Novo), Procurador Mauro (Psol) e Gilberto Filho (Psol).

As últimas pesquisas realizadas apontam que o Democrata Jayme Campos e a juíza aposentada Selma Arruda são os nomes com mais percentual de intenções de votos na baixada cuiabana. Com a chegada do candidato do Psol, que é cuiabano e conseguiu muitos votos principalmente na capital nas últimas eleições que disputou, o quadro tende a mudar.

A candidatura do Procurador Mauro, que estava sendo inclusive cotado para ser candidato ao Governo, foi oficializada pelo Psol neste domingo (5) durante a convenção do partido. Em seu discurso, ele criticou sem citar nomes, os candidatos do interior, principalmente aqueles que defendem somente o setor do agronegócio.

“A gente vem acompanhando os próprios parlamentares quando estão no mandato, até mesmo para usar uma expressão bem coloquial, eles enchem a boca para falar que são deputados do agronegócio, são senadores do agronegócio... Nós acreditamos que esse não é o caminho, o parlamentar tem que ser um representante do povo, ele não pode apenas e tão somente representar o agronegócio. Enquanto ele está ai representando agronegócio, nós temos um pronto-socorro que não funciona, temos as obras que ficaram inacabadas porque as pessoa estavam mais preocupadas em cuidar do interesse do agronegócio, porque muitos são integrantes do agronegócio”, analisou.

Nestas eleições, que acontecem no mês de outubro, apenas dois dos onze candidatos  ao Senado vão ser eleitos.  

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • JUSTO
    07 Ago 2018 às 12:23

    Sou cuiabano e meu voto para senador o primeiro é Jaime e o segundo é Procurador Mauro, governador é Mauro Mendes.

  • joaoderondonopolis
    06 Ago 2018 às 14:20

    Sachetti falou uma coisa certa, com a entrada do Mauro Procurador para o senado, quem mais vai perder é a doutora Selma, perde duas vezes, perde também por estar na coligação de Taques, candidatos do interior serão beneficiado. Tchau doutora Selma.

  • Arruda
    06 Ago 2018 às 13:44

    Você e Selma já rodaram, vão esperar o Bateau Mouche com Pedro Taques lá em Joselândia ou Porto Jofre..

  • marcelo augusto de oliveira
    06 Ago 2018 às 13:40

    Ja tenho em quem votar pra senado, Procurador Mauro.

  • Chaves
    06 Ago 2018 às 13:20

    Ele tem toda razão, procurador Mauro vai tirar muitos votos que seriam de Jayme e Selma. A maior prejudicada com a entrada do psol será a juíza

  • moreira
    06 Ago 2018 às 13:03

    O interior vota em Jayme Cuiabá e Várzea Grande vota em Selma e Procurador Mauro. Onde é bom pra você aí Sachetti? Não viaja, por essa você não esperava kkk

Sitevip Internet