Olhar Direto

Quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Opinião

Vamos falar sobre protagonismo?

Autor: Verediana Proencio

04 Out 2019 - 08:00


Começo o texto te perguntando:

O que acontece com a sua vida é responsabilidade sua ou é culpa de alguém?

Antes de continuar a leitura, pense um pouco, reflita, lembre-se de situações que você vivencia no dia a dia e veja se você fala coisas como:

Opção A:

Ah, mas com esses impostos não dá para viver, por isso vivo em dívidas! Eu não estudei porque meu pai e minha mãe não me apoiaram! Eu nasci no tempo errado! Eu não posso fazer nada porque tenho filhos!

Opção B:

O nosso país tem uma carga tributária alta por isso acabo trabalhando mais para compor a minha renda e fazer as coisas que são necessárias na minha vida! Eu não tive oportunidade de estudar quando mais novo e por isso hoje eu estou terminando os meus estudos! Enquanto os meus filhos eram pequenos eu me dediquei exclusivamente a eles, mas agora eu realmente estou focando no meu desenvolvimento profissional!

Qual opção reflete quem você é no dia a dia?

Responda com sinceridade. Ninguém vai saber o que está se passando na sua cabeça. A resposta verdadeira é importante porque só assim você terá a chance de mudar o rumo das coisas para melhor, se isso for necessário, ou então continuar em um caminho de prosperidade com mais foco e consciência.

Bom, com essa resposta em mente agora vamos discorrer um pouco sobre o que é protagonismo.

Segundo o dicionário, protagonismo é: Participante ativo ou de destaque em um acontecimento.

Só com essa definição já podemos pressupor que sempre haverá um momento em que podemos tomar a rédea da situação e mudar o curso das coisas, se assim desejarmos.

Já começa a ficar mais claro porque é importante ser protagonista. Mas o que esse comportamento trará de resultado para a minha vida?

Ora, qual é a importância de você ser responsável pela sua história? Pense: você define o que quer atrair para a sua vida, que profissão quer ter, o quanto quer ganhar, que tipo de amigos quer se relacionar e além de tudo pode fazer uma grande diferença no nosso planeta, porque não estamos sozinhos por aqui, não é mesmo?

Eu particularmente acredito que protagonismo é uma competência. Você respondeu à pergunta inicial então já consegue saber se tem essa competência ou não. A boa notícia é que competência é algo que podemos adquirir a qualquer momento da nossa vida. Basta querer e se dedicar.

Comece falando para o vento qual é a direção que você quer e se perceber que ele está enveredando para outro lado, pare, tenha uma conversa com o vento e o faça pegar o rumo correto, o rumo definido por você.

Ao responder a primeira pergunta do texto você já começou a fazer algo importante para ir ao encontro do comportamento protagonista. Você refletiu sobre si mesmo, fez um exercício de autoconhecimento e só conhecendo a nós mesmos, ou seja, as nossas forças e pontos de atenção que temos a oportunidade de decidir o que queremos trabalhar.

Fazer exercício de autoconhecimento é se olhar no espelho, mas pelo lado de dentro. Você deve estar se perguntando: e como faço isso?

Você pode procurar um profissional para te ajudar, mas você pode também sozinho iniciar esse processo.

Tem alguns questionários que ao serem respondidos nos trazem em formato de relatório uma descrição do nosso perfil apontando os nossos possíveis pontos positivos e os de melhoria também.

Vou dar aqui três dicas:

O livro Descubra os Seus Pontos Fortes (além de mostrar como desenvolver seus talentos especiais ele também disponibiliza um código para você acessar um link e responder a um questionário que mostrará o seu perfil de pontos fortes e de melhoria. Esses dois links podem ser acessados gratuitamente:

Questionário âncora de carreiras: https://exame.abril.com.br/carreira/qual-o-pilar-da-sua-carreira/

Questionário de personalidade: https://www.16personalities.com/br

Vamos expandir nosso campo de visão começando por nos conhecer?

Dessa maneira, conseguimos desvendar quais são as nossas motivações, nossas causas, nossos valores e à medida que as coisas vão ficando mais claras vamos tendo mais forças para lutar pelo que acreditamos.

Decida hoje, agora, que você é o principal autor da sua bela história!!!!

Eu comecei o texto te perguntando se gostaria de ser protagonista. Agora te pergunto, partiu ser protagonista???




Verediana Proencio é psicóloga, especialista em desenvolvimento humano e organizacional na AMAGGI.
Sitevip Internet