Olhar Direto

Terça-feira, 20 de agosto de 2019

Notícias / Cidades

Vereador é preso em operação para encontrar grupo que tentou assassinar prefeito

Da Redação - Fabiana Mendes

16 Mai 2019 - 11:28

Foto: Reprodução / PMMT

Vereador é preso em operação para encontrar grupo que tentou assassinar prefeito
Uma força-tarefa prendeu quatro pessoas, entre elas um vereador, por posse e porte irregular de arma de fogo, no município de Lambari D’Oeste (339 quilômetros de Cuiabá), na manhã desta quinta-feira (16), em decorrência das investigações contra um grupo que teria tentado assassinar o prefeito Edvaldo Alves dos Santos, de 49 anos, e sua esposa, Maxilene Ferreira dos Santos, no último domingo (12).

Leia mais:
Prefeito e esposa sofrem atentado a tiro após retornarem de comemoração do Dia das Mães

O vereador do município, Jovelino Ferreira de Souza, foi encontrado em casa na posse de uma espingarda calibre 22 e outra espingarda calibre 28, além de munições.  Outras três pessoas, que não tiveram os nomes divulgados também foram presas. Após serem ouvidos eles deverão ter fiança aplicada nos valores de 3 a 5 salários mínimos, conforme as posses de cada um.
 
Conforme o delegado Miguel Macário Lopes, o objetivo da operação era apreender a arma usada no disparo efetuado no domingo (12), na porta da casa do prefeito de Lambari D’Oeste. Logo que acionada, a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Rio Branco, começou a apuração e hoje cumpriu mandados de busca e apreensão contra possíveis pessoas suspeitas de envolvimento no disparo.

A ação é realizada entre policiais militares da Força-Tática, Polícia Militar Ambiental, e policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE), da Diretoria de Atividades Especiais, de Cuiabá. 

Atentado
 
O prefeito de Lambari d’Oeste e sua esposa foram vítimas de um atentado na madrugada de domingo (12). O casal tinha acabado de entrar em sua residência, quando um carro, modelo não identificado, parou na frente da casa e um suspeito fez um disparo de espingarda, que acertou uma porta de vidro.

Prefeito e esposa sofrem atentado a tiro após retornarem de comemoração do Dia das Mães
 
Ao Olhar Direito, Edvaldo contou que havia retornado de uma confraternização do Dia das Mães, em Rio Branco, acompanhado da esposa. Por volta de meia-noite, ambos chegaram a casa. Quando entraram, observaram que um carro estava parado. Na sequência houve um disparo, que atingiu a porta da casa. Os estilhaços ficaram espalhados pela residência. “A porta de Blindex segurou. Tentaram me matar mesmo, atiraram no meu rumo”, afirmou.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Marcos
    16 Mai 2019 às 15:15

    ...Mamãe, não quero ser prefeito Pode ser que eu seja eleito E alguém pode querer me assassinar...

  • Chico Bento
    16 Mai 2019 às 13:16

    Esse município é um dos mas pobres de MT. Há décadas a intriga política lá é muito grande. Por isso não vai para frente. Eu acho que devia ser extinto o voltar a ser distrito de Rio Branco.

Sitevip Internet