Olhar Direto

Quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

Notícias / Política MT

Blairo e Mauro Mendes posam ao lado de empresária em clima de campanha: 'nossa senadora'

Da Redação - José Lucas Salvani

18 Jan 2020 - 17:20

Foto: Reprodução

Blairo e Mauro Mendes posam ao lado de empresária em clima de campanha: 'nossa senadora'
O ex-governador de Mato Grosso, Blairo Maggi (PP), e o atual chefe do Executivo, Mauro Mendes (DEM), posaram ao lado da empresária Margareth Buzetti (PP), em fotos divulgadas neste sábado (18) com a legenda “nossa senadora”. Além da dupla, aparecem nas imagens também a primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, e o empresário Eraí Maggi. O grupo está passando o final de semana no apartamento de Blairo, em Balneário Camboriú (Santa Catarina).

Leia mais:
Governador prefere que Pivetta continue vice e desconversa sobre apoio ao Senado

As fotos, que foram publicadas inicialmente no Instagram da filha de Blairo, a empresária Ticiane Maggi, vão na contra-mão de declarações dadas por Mauro Mendes no ínicio da semana, quando afirmou que ainda não há um candidato definido para receber seu apoio quanto à vaga que será deixada pela senadora cassada Selma Arruda (Pode).

 

Margareth Buzetti é dona de uma indústria de recapagem, recauchutagem, duplagem e vulcanização de pneus de caminhões e máquinas pesada. No início de janeiro deste ano, ela chegou a afirmar que, caso definida como candidata pelo Partido Progressista, iria representar o comércio, indústria, serviços e agronegócio.

“Se for decidido pelo meu partido, seria sim candidata do comércio, indústria e serviços. Com orgulho, candidata do agronegócio. Que, aliás, sua família faz parte”, disse em grupo de Whatsapp, à época.  Em 2018, Buzetti anunciou pré-candidatura, mas desistiu de concorrer ao pleito.

"Ainda é cedo"

No início desta semana, ao ser questionado sobre o assunto, o governador Mauro Mendes (DEM) desconversou e sustentou que “ainda é cedo” para se pronunciar sobre a questão. No final do ano passado, o chefe do Executivo havia citado “coerência” e disse que, em caso de confirmação da cassação de Selma, iria manter seu apoio ao colega de chapa de 2018, Carlos Fávaro (PSD).

Agora, além da candidatura de Fávaro, o Paiaguás tem de lidar com a eventual candidatura de Pivetta, que se consolida a cada dia e agrega nomes de peso, como do ex-deputado federal Adilton Sachetti (Republicanos) e do ex-senador Cidinho Santos (PL), que avaliam assumir a suplência do pedetista.

Mendes acumula, ainda, a embaraçosa candidatura de Júlio Campos, um dos principais caciques do Democratas e que já se movimenta pelo Estado em ritmo de pré-campanha, mantendo conversas inclusive com grupos considerados de oposição ao governador, como do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB).

69 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Ana
    20 Jan 2020 às 13:46

    Nessa matéria inteirinha, só li nome de gente em quem não se deve votar

  • jcarlos
    20 Jan 2020 às 09:42

    Quem vai de borracheira ?

  • Luiz Cuiabano
    20 Jan 2020 às 07:19

    Todos branquinhos,milionários,vindos do sul do país para explorar as nossas terras,o nosso povo,agora conquistaram o poder político e espero que o povão abra o olho e comece a reagir não votando nesses burguesinhos deslumbrados!!

  • Pedro Augusto Carvalho de araújo
    20 Jan 2020 às 07:15

    Fora de realidade ... maneira no mínimo inusitada de se começar uma campanha?! ... é isso aí, Blairo no comando!!!!

  • Cuiabano
    20 Jan 2020 às 06:09

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Marrmenino
    20 Jan 2020 às 05:43

    Os muito ricos e empresários já possuem candidato. Vamos ver quem vai sair em defesa dos trabalhadores e da população menos favorecida.

  • Luiz
    20 Jan 2020 às 00:37

    Já começou errado esta sujeita. Mas uma que esquece que um senador é eleito pra trabalhar pela população do estado e não por uma classe específica.

  • Luciana
    19 Jan 2020 às 21:13

    A cara da burguesia gastando dinheiro do povo para escolher mais um representante DELES e o povão achando graça de tudo...Mitos,mitos,Mito...

  • Igor
    19 Jan 2020 às 20:28

    Se duvidar, tem muito dinheiro público envolvido nestas conversas.

  • Moacir
    19 Jan 2020 às 17:50

    Nada de empresários. Vote em cidadão que irá trabalhar para a população, para o Estado.

Sitevip Internet