Olhar Direto

Notícias / Cidades

Presidente da OAB diz que PF investiga duplo ataque contra processos da Ordem

Da Redação - Max Aguiar

21 Fev 2020 - 11:30

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Presidente da OAB diz que PF investiga duplo ataque contra processos da Ordem
O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso (OAB-MT), Leonardo Campos, afirmou que além a instituição já sofreu dois ataques criminosos esse ano de pessoas que queriam queimar processos do Tribunal de Ética e Disciplina (TED).

Leia mais:
Criminosos invadem prédio da OAB em Cuiabá e tentam atear fogo em documentos

No último ataque, ocorrido na madrugada de sábado para domingo passado, um grupo de homens invadiu o prédio da Escola Superior de Advocacia de Mato Grosso (ESA-MT) e tentou incendiar processos que tramitam na unidade disciplinar, que julga advogados que não cumprem a ética da OAB.

Em entrevista à Rádio Capital FM, na manhã desta sexta-feira (21), Leonardo apontou que todos os ataques foram criminosos e todo processo de investigação transcorre em estado de sigilo pela Polícia Federal.

“Esse atentado de sábado para domingo foi o segundo ataque à Ordem. Dia 5 de janeiro também queimaram, um montante mínimo, dentro da OAB. Graças a Deus e a vigilância, um ataque maior foi evitado naquela oportunidade. A perícia, daquela primeira oportunidade, apontou que o incêndio foi criminoso”, disse o presidente.

No segundo ataque, segundo Campos, os homens não chegaram a colocar fogo nos processos, mas já haviam colocado gasolina nos papéis quando foram alertados da chegada da Segurança Patrimonial. Por enquanto, ninguém foi preso pelos atos.

A entidade acionou as forças de segurança e o local foi vistoriado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica de Mato Grosso (Politec). A investigação está a cargo da Polícia Federal. “É um atentado grave. Se a segurança não chega, o prédio da OAB corria riscos de ser queimado, assim como todo complexo. Os galões de gasolina foram apreendidos e a perícia segue a cargo da PF”, disse o delator.

Segundo a OAB-MT, todos os processos em trâmite na Ordem estão passando por processo de digitalização e o atendimento ao público e os prazos processuais estão suspensos até o próximo dia 27 de fevereiro.

Campos ainda lembrou que existem bandidos que estão munidos com a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil. “Infelizmente, ainda existem bandidos com OAB. As facções estão cada vez mais bancados criminosos no Direito para que no final o curso eles possam trabalhador para o crime. Isso é uma realidade. Mas não vão nos intimidar. O Tribunal de Ética corta na carne e isso causa rigor. Punir colegas não é algo que queremos, mas o Tribunal está lá pra isso”, disse o presidente à rádio.
 

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Miriam Azevedo
    22 Fev 2020 às 00:00

    Se ja tivessem digitalizados os processos!

  • Davi
    21 Fev 2020 às 13:55

    Tem dedo de advogado neste caso. Dúvidas?

  • Luciana
    21 Fev 2020 às 12:17

    Queriam acelerar os processos kkk literalmente queima de arquivo.

Sitevip Internet