Olhar Direto

Notícias / Cidades

Homem é preso por assediar motorista de aplicativo após se negar a pagar corrida

Da Redação - Isabela Mercuri

05 Abr 2020 - 10:10

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Homem é preso por assediar motorista de aplicativo após se negar a pagar corrida
Um homem de 41 anos foi preso na madrugada deste domingo (5) no bairro Flor do Ipê, em Várzea Grande, após ter se negado a pagar uma corrida e assediado uma motorista de aplicativo. Levado à delegacia, ele continuou insultando a motorista e os policiais.

Leia também:
Agressor e vítima confinados: queda na violência doméstica não significa que agressões pararam

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, a Polícia foi acionada às 4h da madrugada para ir até o local, onde haveria uma situação de briga entre motorista de aplicativo e usuário do transporte, que teria se negado a pagar e a assediado sexualmente.

A vítima contou que recebeu a chamada para uma corrida até o bairro CPA 4. O suspeito, então, entrou no carro e logo começou a falar palavras de assédio sexual e intimidação. Ele disse que não pagaria pela corrida, e a tentou intimidar enquanto ela ligava pedindo ajuda, proferindo palavras de baixo calão.

A Polícia abordou o suspeito na calçada de sua casa, e o encaminhou à Delegacia para as providências cabíveis. Mesmo durante a confecção do Boletim de Ocorrência, ele continuou a falar palavras e expressões depreciativas contra a vítima e também contra os policiais.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Vinicius
    06 Abr 2020 às 06:44

    Telma, vc está defecando pelos dedos....

  • Eu
    05 Abr 2020 às 15:38

    Que asneira esse seu comentário Telma....queria ver se essa situação fosse contigo....comentário absurdo

  • Manco
    05 Abr 2020 às 12:27

    Vagabundo.... deveria tomar uma taça, daquelas...

  • Telma Morada do Ouro
    05 Abr 2020 às 12:24

    Outro mi mi mi chato. Polícia têm que perder tempo numa inutilidade dessas. Polícia têm que fiscalizar e fechar comércio que desrespeita quarentena e na rua pedra preta CPA 2, onde pais irresponsáveis deixam crianças brincando na rua transmitindo coronavirus.