Olhar Direto

Segunda-feira, 21 de junho de 2021

Notícias | Política MT

aglomeração

Prefeito de Primavera defende live de Gusttavo Lima: “quanto tempo as pessoas estavam privadas de poder sair?”

07 Mai 2021 - 11:40

Da Redação - Isabela Mercuri / Do local - Max Aguiar

Foto: Olhar Direto

Léo Bortolin

Léo Bortolin

O prefeito de Primavera do Leste (235km de Cuiabá) Léo Bortolin (MDB), defendeu a realização da live do Gusttavo Lima, que aconteceu no último final de semana no município. Segundo o gestor, essa foi uma oportunidade de falar sobre a cidade e sua importância para o agronegócio, e dos convidados começarem a voltar à vida normal: “poxa, quanto tempo as pessoas estavam privadas de poder sair, de poder ter acesso a um evento como aquele?”, questionou nesta sexta-feira (7). Não foram usados recursos financeiros da Prefeitura para a realização deste evento.

Leia também:
Deputados criticam aglomeração em show de Gusttavo Lima em MT; evento teve participação de parlamentares

As imagens do show chocaram por conta da quantidade de pessoas, quase todas sem máscara e aglomeradas. Segundo o prefeito, todos os convidados estavam testados e antes do início do show as mesas estavam espaçadas. “Ao contrário do que se diz que tinham 500 pessoas, não tinham, tinham menos, mas de qualquer forma na hora que começou o show foi o momento que as pessoas levantaram e acabou tendo todas aquelas imagens. Peço desculpas se alguém acabou ficando chateado com a situação, mas nós fomos convidados a participar”, declarou o prefeito.

Léo explicou que ele foi convidado pelo escritório de Gusttavo Lima para que a live fosse realizada em Primavera, e lhe foi oferecido, ainda, três minutos para falar sobre a cidade. O prefeito ainda afirmou que o evento funcionou dentro das regras do decreto municipal, e que ele sempre foi contra as medidas de restrição.

“Sempre fui contra qualquer medida restritiva de lockdown. Primavera do Leste foi um município que em nenhum dia parou, nós não deixamos de investir em saúde, hoje nós temos a maior estrutura per capita proporcional para Covid agravado no Estado, e também trabalhamos no sentido de que o setor econômico não parasse. E eu sou defensor de que as coisas já têm que começar a voltar à normalidade”, completou.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet