Olhar Direto

Segunda-feira, 18 de outubro de 2021

Notícias | Política MT

articulações

Dilmar defende que PLDO seja votada em 1ª e comemora ‘conquista’ da base de RGA de 6,5%

09 Set 2021 - 11:12

Da Redação - Isabela Mercuri / Do local - Max Aguiar

Foto: Olhar Direto

Dilmar defende que PLDO seja votada em 1ª e comemora ‘conquista’ da base de RGA de 6,5%
O líder do Governo do Estado na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), deputado estadual Dilmar Dal Bosco (DEM), afirmou que vai tentar articular a votação do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) pelo menos em primeira na sessão desta quinta-feira (9). Segundo ele, é possível, mesmo assim, adicionar emendas para a segunda votação. O deputado João Batista (PROS), por outro lado, afirmou que já estava combinado entre os parlamentares que a votação seria realizada em outro dia.

Leia também:
Com imbróglio sobre aumentos de salário, votação da LDO pode ser adiada novamente por ‘acordo’ entre deputados

“Estou com pressa para a sessão para que se busque um entendimento que se vote em primeira. Não significa que nós, os deputados, os líderes de blocos, não definam a apresentação e emenda como foi apresentada essa aí, para a segunda votação ser apreciada e votada”, explicou Dilmar.

O grande imbróglio da PLDO se dá em relação às emendas de parlamentares para aumentar salários de diferentes categorias, como a Polícia Penal. Segundo Batista, o governador teria orientado a base a não votar favoravelmente a estas emendas. Dilmar rebate, afirmando que a própria base conseguiu conquistar apoio do Estado em um aumento de 1% na Revisão Geral Anual (RGA), que passaria de 5,5% para 6,5% por meio de emenda de Lideranças Partidárias.

“Tem emendas diferenciadas umas das outras. Colocando alguns percentuais de aumento para categoria A, categoria B. Umas emendas até flexíveis, que fica o governo do estado de Mato Grosso autorizado para até 2022 da possibilidade de rever sobre a carreira e tal. Então não teria nenhum problema, porque não acrescenta valores, percentuais e ganho real além do que a base conquistou. A base conquistou, na LDO, que estaria concedendo para 2022 uma RGA pelo Governo do Estado simples de aumentar um percentual, então essa é flexível de passar. Estamos colocando 6,05% ao invés de 5,05%. Essas emendas, se passar uma, tem que passar todas. Estamos buscando a cada emenda apresentada trazer a categoria que foi oferecida pelo parlamentar a proposição para o debate, para a conversa. Estivemos reunidos com o governador, com alguns colegas deputados, para que eles buscassem esse entendimento aí”, defendeu o líder.

Dilmar ainda explicou que os deputados buscam entendimentos entre as bases e o Governo do Estado. “Temos algumas categorias, inclusive o socioeducativo, a polícia penal, o próprio Detran, sabemos que tem as defasagens de muitos anos. Agora, tem que conquistar, tem que trabalhar, tem que achar qual é a maneira melhor, porque quando apresenta para uma categoria, o outro parlamentar apresenta para outra e quer que aprova, então temos dificuldade, tem que buscar uma balança disso aí, buscar um equilíbrio de tudo isso aí, e é o que nós estamos tentando buscar em reuniões periódicas inclusive no palácio e aqui na Assembleia Legislativa”, afirmou.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet