Olhar Direto

Terça-feira, 19 de outubro de 2021

Notícias | Política MT

conjecturas

Possível candidatura de Tarcísio ao Senado em MT pode ser construída em chapa com ex-deputado federal e Márcia Pinheiro

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Possível candidatura de Tarcísio ao Senado em MT pode ser construída em chapa com ex-deputado federal e Márcia Pinheiro
A possibilidade de o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, ser candidato a senador por Mato Grosso, em 2022, reforça a tese que vem sendo costurada nos bastidores para ter o ex-deputado Nilson Leitão (PSDB) candidato ao governo. A ideia é lançar um bloco ligado ao agro e com apoio do presidente Jair Bolsonaro, atualmente sem partido. 

Leia mais:
Mauro reconhece que há distorções salariais entre servidores, mas diz que ainda não é momento para corrigi-las

O fator preponderante nessa situação é o partido que o presidente deverá se filiar para concorrer à reeleição no próximo ano. Nilson, conforme já foi falado por diversas lideranças políticas, deve deixar o PSDB e partir para outra agremiação para a disputa. Ele deve seguir os conselhos do presidente e trazer consigo o ministro Tarcísio. 

Nilson seria financiado pelo agro e diversas entidades nacionais que apoiam o agronegócio no estado. Recentemente, o ex-deputado veio a Mato Grosso na comitiva do presidente da República e inclusive ao lado da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, no avião da Força Aérea Brasileira. 

Além desses fatores citados, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB) também já se reuniu com o ex-deputado Leitão em Brasília e conversaram sobre o lançamento de uma frente para disputar com Mauro Mendes o comando do Palácio Paiaguás. 

Emanuel não deve deixar a prefeitura em 2022 para a disputa, por isso poderá fortalecer Nilson sendo um fiel cabo eleitoral. O emedebista, inclusive, pode indicar a esposa, Marcia Pinheiro (PTB), para ser candidata a vice-governadora na chapa com Nilson, tendo o ministro Tarcísio como candidato a senador. O nome de Márcia ganha força por ser mulher e da capital, pois a base de Leitão está no interior do estado. 

Por enquanto, Nilson Leitão diz que continua trabalhando em Brasília e Tarcísio apenas admitiu a possibilidade. Mas, ao mesmo tempo em que cita Mato Grosso, ele também não descarta ser candidato em Goiás. Vale lembrar que Tarcísio não tem residência em nenhum dos dois estados. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet