Olhar Direto

Quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Notícias | Cidades

Vento forte

Temporal em Cuiabá teve rajadas de até 65 km/h e previsão aponta nova chance de chuva

Foto: Reprodução/Ilustração

imagem ilustrativa

imagem ilustrativa

O temporal do último domingo (26), que causou algumas complicações em Cuiabá e Várzea Grande teve rajadas de vento que superaram os 65 km/h, segundo as estações meteorológicas do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). As previsões do Climatempo apontam nova chance de chuva nos próximos três dias.

Leia mais:
Vídeos mostram temporais com ventania forte, 'nuvem de poeira', pancadas de chuvas isoladas e granizo na região metropolitana de Cuiabá
 
Conforme a estações automática, instalada na Estrada do Moinho, as rajadas de vento chegaram a 65,16 km/h no domingo, sendo que o vento manteve uma constância de aproximadamente 20 km/h.
 
Para esta segunda-feira, o Climatempo aponta sol e aumento de nuvens de manhã, com pancadas de chuvas previstas para à tarde e à noite. A máxima não deve chegar aos 37ºC e a mínima não deve ser menor que 25ºC. A expectativa é de 10mm de precipitação.
 
Na terça-feira, as temperaturas esperadas são as mesmas de hoje, sendo que também há 90% de probabilidade de chuva, também durante a tarde e/ou noite. Porém, a quantidade esperada é menor (5mm).Na quarta-feira, também pode haver precipitação.
 
No domingo, em pontos isolados na capital, vários focos de chuvas foram registrados, Em alguns locais como no Condomínio Solar da Chapada, na região do Grande CPA e no Residencial Buriti, o temporal veio acompanhado de muito vento e granizo, consequência do choque térmico causado pela queda brusca de temperatura.
 
Em Várzea Grande, o terminal André Maggi sofreu com a ventania que precedeu a chuva. Nas imagenns enviadas ao Olhar Direto, é possível ver a estrutura do local danificada após a passagem do temporal. Ainda em VG, no aeroporto Marechal Rondom, leitora enviou ao OD imanges da nuvem de poeira que precede a chuva, dificultando a visibilidade no local.
 
Quedas de energia em locais isolados da região metropolitana da capital também foram notificadas à reportagem. Árvores também vieram abaixo em algumas regiões.
 
De acordo com o site ClimaTempo, o Centro-Oeste do Brasil será uma das regiões que irá sentir primeiro os efeitos da Primavera. Nos próximos dias, novas áreas de instabilidade se espalham e voltam a provocar volumes de chuva significativos, até com risco de temporais.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet