Olhar Direto

Terça-feira, 19 de setembro de 2017

Notícias / Cidades

Procon notifica estacionamento do Shopping Pantanal após aumento de tarifa e diminuição do período de carência

Da Redação - Fabiana Mendes

11 Set 2017 - 15:42

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto/Ilustração

Procon notifica estacionamento do Shopping Pantanal após aumento de tarifa e diminuição do período de carência
O Procon Estadual, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), instaurou investigação preliminar para apurar se o aumento da tarifa do estacionamento do Multipark do Shopping Pantanal de R$ 8 para R$ 9 está infringindo a legislação. O Multipark deverá apresentar, no prazo de 10 dias, documentos que justifiquem o aumento da tarifa. O reajuste aconteceu no começo deste mês e causou indignação nos usuários que também reclamaram na redução do período de carência de 20 para 15 minutos.

Leia Mais: 
Shopping Pantanal aumenta preço do estacionamento e diminui período de carência; usuários se queixam

O inquérito foi aberto por meio da Gerência de Fiscalização, Controle e Monitoramento de Mercado. De acordo com o superintendente Onofre Júnior, a investigação foi motivada por reclamações de vários consumidores – pelos canais de atendimento telefônico do órgão, redes sociais e repercutidas na imprensa - sobre o aumento do valor do estacionamento do Shopping Pantanal.

Para a instauração da investigação, o Procon também levou em conta que os índices oficiais apontam que nos últimos 12 meses o país teve a menor taxa de inflação dos últimos 18 anos. “Também não se teve notícia de qualquer melhoria na infraestrutura do estacionamento no último ano, que justifique o aumento da tarifa”, explica o gerente de Fiscalização, Ivo Vinícius Firmo.

O Multipark foi notificado na quarta-feira (06) e deverá apresentar, no prazo de 10 dias ao Procon, documentos que justifiquem o aumento da tarifa. O fornecedor precisará informar todos os preços praticados para estacionamento nos meses de setembro/2012, setembro/2013, setembro/2014, setembro/2015, setembro/2016 e setembro/2017, considerando os valores cobrados de motos, carros e outros. Deverá, também, informar qual o prazo de carência concedido ao consumidor sem cobrança dos serviços para o mesmo período.

O fornecedor precisará, ainda, apresentar justificativa para o aumento nos valores do estacionamento dos anos de 2012 a 2017, comprovando com documentos que entender necessários.

13 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Dolly
    15 Set 2017 às 11:13

    Infelzimente povo nao pensa.... !!!! Vc vai no centro ou em qual lugar paga no minimo 5,00 (quando barato) por 1 hora, mesmo se ficar 15 minutos... Ai a pessoa tem todo conforto no shopping pode ficar 12h hora pelo mesmo valor e acha ruim? Quero ver se tiver que parar 10 x no centro pra fazer varias coisas quanto vai sair no final,? e onde nao tem seguranca. nenhum cheio de perigo. Povo reclama mas tem seguranca ..tudo mais la. Ja na rua nada x nada. Enfim niguem é obrigado a ir no shopping, vao onde nao pagam estacionamento e onde nao tem seguranca... Cada um sabe onde o seu calo aperta... Agora quero ver se nao pagassem tbm estacionamento, ai estaria ocupado por varias pessoas que deixam carro na rua ou de predios ao lado e por iai vai...tirando a vaga das pesssoas que vao realmente usar o shopping nao so o estacionamento... Fica a dica !

  • Amora
    13 Set 2017 às 08:48

    Um absurdo e esse aumento,sendo que o Estácionamento nem coberto é. 15 min eu estaciono o carro, uma mera palhaçada isso sim com os clientes.

  • Amilton Almeida
    13 Set 2017 às 00:31

    Fabiana mendes favor se informar antes de publicar uma materia envolvendo o nome da empresa multipark pois o estacionamento do pantanal shopping é administrado por eles mesmos do grupo IANCAR AVANHOE o multipark cuida apenas do VIP aonde possui cobertura em toldo

  • Dalto
    12 Set 2017 às 21:16

    Brincadeira! Brasileiro gosta mesmo de ser explorado, está todo mundoooo ricoooo aqui aceitando pagar 9 reais de estacionamento em um shopping e ainda reclamando e questionando o porque do PROCON estar questionando o preço abusivo. Acordaaaaa Brasillll! É um absurdo esse aumento tem que investigar mesmo. Não basta ser roubado por políticos agora tbem na hora do lazer com a família.

  • Marcya
    12 Set 2017 às 20:01

    Boicotar não indo ao Shopping vcs não irão punir a MULTIPARK,mas sim aos trabalhadores que ali tiram o seu sustento...

  • Marcya
    12 Set 2017 às 20:01

    Boicotar não indo ao Shopping vcs não irão punir a MULTIPARK,mas sim aos trabalhadores que ali tiram o seu sustento...

  • Darcileia
    12 Set 2017 às 19:42

    Não ê só o estacionamento do shopping , mas sim outros estacionamento da multipark . Nem se quer tem tolerância de 20 minutos . Preço de 10,00

  • Heitor
    12 Set 2017 às 09:24

    O Procon não tem poder nenhum de definir politica de preços de uma empresa privada, isso que o Procon ta fazendo é um absurdo muito maior do que o aumento de preços praticado pelo shopping! abre um precedente horrível e perigoso.

  • Eduardo
    11 Set 2017 às 18:51

    Impressionante, o Estado querendo interferir em tudo! Basta a população não ir ao local! Boicotem! Nao gastem 1 real sequer lá! Mas o Procon querer se meter nisso, Só pode ser brincadeira é um absurdo o Procon querer ditar o preço que deve ser cobrado em um estabelecimento privado. Nosso país tá cheio de assistencialismo, é muito direito e pouco dever!

  • nonato
    11 Set 2017 às 17:32

    facil de resolver este problema.....ninguem vai ao shoping ai queo ver eles manterem este aumento

Sitevip Internet