Olhar Direto

Domingo, 22 de setembro de 2019

Notícias / Cidades

Crea poderá cassar registro de engenheiros que forem responsabilizados por erros em obras da Copa

Da Redação - Wesley Santiago

22 Fev 2015 - 17:05

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Crea poderá cassar registro de engenheiros que forem responsabilizados por erros em obras da Copa
O coordenador da Câmara de Engenharia Civil do Crea (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso), André Luiz Shuring, revelou ao Olhar Direto que os engenheiros que forem responsabilizados pelos erros nas obras da Copa do Mundo, poderão ter os registros cassados. Porém, ele ressalta que cada caso terá de ser julgado separadamente e que o Ministério Público é quem deverá denunciar os culpados.

Leia mais:
Comprados há 15 meses, vagões de R$ 500 milhões do VLT estragam ao relento; Veja fotos 

“Os responsáveis pelos erros detectados nas obras de mobilidade urbana da Copa do Mundo de 2014 serão identificados posteriormente, através de uma profunda análise dos projetos e dos documentos aos quais nós tivemos acesso. Ainda estamos lendo todos os relatórios e identificando o que há de errado”, explica o coordenador.
 
De acordo com André Luiz, a Lei 5.194 prevê algumas sanções. “Dependendo do caso, as punições podem ir de um censura privada até a cassação do registro profissional. Porém, como já dito, cada caso terá de ser estudado separadamente”. Ele ainda acrescenta que “nada foi omitido dos relatórios técnicos. O problema é que os documentos não chegavam para o Crea, apesar de termos pedido incessantemente”.
 
Durante audiência pública realizada na última segunda-feira (09), o secretário extraordinário do Gabinete de Projetos Estratégicos, Gustavo Oliveira, revelou diversos problemas em praticamente todas as obras de mobilidade urbana de Cuiabá e Várzea Grande, incluindo as do VLL (Veículo Leve sobre Trilhos). O Ministério Público deverá investigar de quem é a responsabilidade pelos problemas até o fim deste mês. 

27 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • fernando
    23 Fev 2015 às 12:02

    A SOMA DE: ROUBO INCOMPETÊNCIA BURRICE=MT HOMENS PÚBLICOS CORRUPTOS - INCOMPETÊNCIA NO PLANEJAMENTO DE OBRAS PELAS EMPREITEIRAS E BURRICE PORQUE O ENSINO DE MT NÃO TEM QUALIDADE. ESSES SÃO OS PROFISSIONAIS QUE A UFMT E AS FACULDADES PARTICULARES LANÇAM NO MERCADO....RESULTADO: OBRAS COM PROBLEMAS SÉRIOS DE ESTRUTURA E ALGUMAS QUE NÃO FICARAM PRONTAS NUNCA!!

  • jarbas antonio de siqueira
    23 Fev 2015 às 11:24

    e o ministério público estadual não têm responsabilidade também???omissão não é crime???

  • Diniz Miranda
    23 Fev 2015 às 09:50

    Esse Crea é uma vergonha para MT, deveria também ser responsabilizado.

  • ELI ROCHA
    23 Fev 2015 às 09:07

    Ademir, parabéns pelo seu comentário. Você está corretíssimo. Entendo que toda a DIRETORIA do CREA-MT também deve ser responsabilidade. Com relação aos engenheiros ligados diretamente às obras, a punição além de administrativa, também deveria ser na área criminal.

  • jose a silva
    23 Fev 2015 às 08:33

    Isso aí não é e nunca foi engenharia! Isso foi feito no tapa simplesmente para e unica finalidade de desvio de recursos! Agora vem esse tal de CREA (deveria ser descrea!) chorar o leite que derramou! Vai tentar recuperar esse leite e vai ver a sujeira que virá junto! DESMORALIZAÇÃO TOTAL! Até para quem não deve!

  • Roberto arruda
    23 Fev 2015 às 08:25

    Sou engenheiro e tenho vergonha do crea, única pratica que exerce é à cobrança de taxa é taxa das artes, agora dá uma de herói, a justiça tem que responsabilizar o conselho pela omissão e interdição dessas obras mal feitas, no mínimo estavam participando do banquete.

  • Neide
    23 Fev 2015 às 08:21

    Festival de incompetentes......Vergonha.....Justiça seja feita.

  • pedro
    23 Fev 2015 às 08:19

    Infelizmente vemos varias universidades formando engenheiros sem preparo para atuar, as obras da Secopa estavam sobre a responsabilidade de engenheiros novos e sem nenhuma capacidade sem experiencia e o CREA não fiscalizou isso.

  • mad
    23 Fev 2015 às 08:08

    há muito tempo venho comentando da incompetência e corrupção dos engenheiros, porém na maioria das vezes vetam meu comentário...

  • teixeira
    23 Fev 2015 às 07:56

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet