Olhar Direto

Quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Notícias / Mundo

Caso reaberto após documentário leva à prisão de suspeito por morte de garota há mais de 50 anos

G1

28 Set 2016 - 12:24

Caso reaberto após documentário leva à prisão de suspeito por morte de garota há mais de 50 anos
Inconformada com arquivamento das investigações, família de adolescente morta em 1965 entrou em contato com programa da BBC e trouxe história de volta à tona.

Um homem de quase 80 anos foi preso na Inglaterra sob suspeita de ter matado uma adolescente há meio século.

Elsie Frost foi brutalmente assassinada em 1965, quando tinha apenas 14 anos. A família nunca se conformou com o arquivamento do caso.

Tanto que no ano em que a morte da jovem completou 50 anos, sua irmã resolveu tentar trazer o caso novamente à tona, entrando em contato com a Rádio 4, da BBC, que começou a investigá-lo.

Como resultado, a polícia acabou reabrindo o caso no ano passado.

"Recebemos um número significativo de ligações e de e-mails de pessoas oferecendo novas informações sobre o caso - e isso levou a novas linhas de investigação", afirmou o policial Nick Wallen, que está no comando das investigações.

Nesta semana, a polícia anunciou a prisão do suspeito. Ele tem 78 anos e seu nome seria Peter Pickering.

Elsie foi assassinada em Wakefield, no condado de West Yorkshire (no norte da Inglaterra), quando voltava para casa após uma aula de vela.

A jovem foi esfaqueada até a morte. Diversas pessoas foram interrogadas, mas ninguém foi condenado. A arma do crime tampouco foi encontrada.

Novas linhas de investigação
Com a reabertura do caso, 14 profissionais foram destacados para analisar milhares de páginas, com registro de evidência, pistas e depoimentos da investigação original.

Antes da prisão de Pickering, apenas uma pessoa havia sido detida. Era um homem de 33 anos, que tinha sido acusado do assassinato mas acabou sendo inocentado.

"Sabemos que erros foram cometidos em 1965, e agora ficamos impressionados com o comprometimento da polícia", afirmou Colin Frost, o irmão mais novo de Elsie.

"Estamos felizes, porque nosso desejo sempre foi o de que esse caso fosse levado a sério e que o caso fosse reaberto."
Sitevip Internet