Olhar Direto

Notícias / Política MT

“O Governo vai ter trabalho”, diz Ludio Cabral sobre parceria com Wilson na oposição

Da Redação - Érika Oliveira

05 Abr 2019 - 07:52

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

“O Governo vai ter trabalho”, diz Ludio Cabral sobre parceria com Wilson na oposição
Filiados a partidos que historicamente fazem oposição um ao outro, Lúdio Cabral (PT) e Wilson Santos (PSDB) protagonizaram uma cena até pouco tempo inimaginável, durante a sessão que aprovou a mensagem que autoriza Mauro Mendes (DEM) a contrair empréstimo de até 332,6 milhões de dólares. Como em uma partida de vôlei,  um "levantava a bola" para o outro rebater. Foi assim por mais de quatro horas. Saíram derrotados, mas com saldo positivo na avaliação do petista, que avisou que a dobradinha deve se repetir e “dar trabalho” ao Governo.

Leia mais:
Base ‘patrola’ emendas de Lúdio e aprova autorização para Mendes emprestar até U$ 332,6 milhões

“Nós estamos cumprindo com o nosso dever aqui no Parlamento. Em alguns pontos vamos ter posição comum, como foi o caso desse projeto do empréstimo. Em outras situações, eventualmente, teremos posições diferentes. O deputado Wilson Santos tem uma posição firme de oposição, é um deputado inteligente, consegue uma compreensão importante sobre o conteúdo das propostas que vêm. Eu tenho me esforçado para poder também cumprir o meu papel, fazer oposição, mas propor caminhos, por isso apresentei as emendas. O Governo vai ter trabalho. E tem que ter trabalho mesmo, tem que melhorar a qualidade do que ele encaminha para cá. Apesar da diferença partidária, aquilo que for comum aqui na Assembleia a gente vai votar junto”, disse Lúdio.

A mensagem do Executivo que autoriza o governador a contrair empréstimo de até 332,6 milhões de dólares com o Banco Mundial para quitar dívida de 248 milhões de dólares com o Bank of America deveria ter entrado em pauta para primeira votação no último dia 27, mas sofreu uma série de pedidos de vistas.

Embora fossem minoria, os deputados da oposição conseguiram fazer barulho e deram uma ideia de como deverão ser as próximas votações que envolvem projetos do Executivo. O governador Mauro Mendes, que sempre acreditou na aprovação tranquila do pedido de empréstimo – promessa que, inclusive, havia sido feita por Eduardo Botelho (DEM) – chegou a se irritar em alguns momentos.

Ludio Cabral apresentou seis emendas que, em síntese, propunham a redução da autorização do empréstimo de 332,6 milhões de dólares para pouco mais de 248 milhões, valor atualizado da dívida a ser quitada com o Bank of America. Além disso, tentou criar dispositivos que amarrassem para saúde, educação e segurança pública a destinação dos recursos a serem economizados com a operação de crédito, tanto neste ano quanto nos próximos.

Todas as emendas do petista foram derrubadas pela base de Mauro Mendes no Parlamento.

“Nós fizemos o bom combate. Debatemos o conteúdo da proposta para tentar evitar que a Assembleia aprovasse uma autorização que endivida o Estado por 20 anos, mais de uma geração, por cinco governos. É um empréstimo que trará prejuízo ao Estado, só faz bem ao Mauro Mendes, mas compromete mais de uma geração de mato-grossenses. Apresentamos as emendas num sentido construtivo, de melhorar o conteúdo da proposta. Mas as emendas foram rejeitadas sumariamente. É do debate, é democrático. Felizmente nós tivemos a oportunidade de utilizar os dispositivos que o regimento tem para cumprir o nosso dever de fiscalizar o Governo. Dá para tirar uma vitória disso tudo: o governador terá que ter muito cuidado ao encaminhar propostas para a Assembleia, porque nós não vamos deixar de cumprir com rigor o nosso dever de fiscalizar tudo que ele encaminhar para cá”, avaliou.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Claudio José Sônego
    05 Abr 2019 às 21:05

    ESSA DUPLA É MUITO CONHECIDA PELOS SEUS ATOS DEMAGÓGICOS QUE EM NADA CONTRIBUEM PARA A SICIEDADE.ELES QUEREM ESTAR EM EVIDÊNCIA POR CAPRICHO PRÓPRIO. UMA DUPLA NOM GRATA PELA SOCIEDADE.

  • Rocha
    05 Abr 2019 às 20:19

    Que papelão !! Vindo do ws tudo bem agora vc ludio ??? Enterro político seu

  • Bianca
    05 Abr 2019 às 15:22

    Agora vem, esses vereadores, aproveita da situação da santa casa pra mostrar serviço e fala que foram eles que fizeram tal obra..HAAA! ME POUPE Ludio, vai usar sua criatividade e fazer algo de útil para a nossa cidade, fica aí pegando bera da Santa Casa.

  • marcos
    05 Abr 2019 às 11:50

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Zeca
    05 Abr 2019 às 11:43

    Olha só o foco desse sujeito, "dar trabalho ao governo"! Isso deixa claro que projetos e outras matérias de interesse do estado e da população ele nunca apresentará.

  • POLITICAGEM
    05 Abr 2019 às 11:13

    PREFIRO ACREDITAR NO TIU LUH QUE EM POLÍTICOS NEH KKK

  • Florinda
    05 Abr 2019 às 10:20

    É hora de lutar pelo progresso do Estado, não ficar de baxaria ao tempo todo, não levando a nada discussões, só atraso, qdo assustar terminou o tempo de mostrar a que veio.

  • Wilson Luiz Riva
    05 Abr 2019 às 10:07

    Lúdio será um deputado combativo e não se renderá aos encantos financeiros.

  • Rocha
    05 Abr 2019 às 09:59

    Ludio parecia um nome forte para prefeito com essa parceria com o Pinóquio vai se queimar geral ...

  • jose
    05 Abr 2019 às 09:15

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

Sitevip Internet