Olhar Jurídico

Domingo, 13 de outubro de 2019

Notícias / Política de Classe

Desembargadoras são empossadas no TRT; pela primeira vez Justiça do Trabalho terá duas mulheres à frente

Da Redação - Paulo Victor Fanaia

06 Dez 2015 - 09:00

Foto: Comunicação TRT-MT

Desembargadoras são empossadas no TRT; pela primeira vez Justiça do Trabalho terá duas mulheres à frente
Foram empossadas nos cargos de presidente e vice do Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT-MT) na noite da última quinta-feira (03), em Cuiabá, as desembargadoras Beatriz Theodoro e Eliney Veloso. É a primeira vez em que duas mulheres estarão à frente da Justiça do Trabalho Mato-grossense. A solenidade contou com a presença de autoridades jurídicas e políticas de todo país.

Leia mais:
Pleno do Tribunal de Justiça escolhe nova desembargadora; confira


Eleita em sessão administrativa do Tribunal Pleno em outubro deste ano, a nova presidente, que estará à frente do biênio 2016 e 2017, sucederá o desembargador Edson Bueno, que presidiu o órgão em 2014 e 2015.

A nova presidente garantiu que o Tribunal seguirá empenhado na busca da prestação de um serviço de excelência para o cidadão. “Tenho muito orgulho de pertencer a classe da advocacia mato-grossense e hoje assumir como presidente do TRT", afirmou.

Durante a cerimônia, a desembargadora Beatriz Theodoro assumiu ainda a presidência da Ordem São José Operário do Mérito Judiciário do Trabalho, e o desembargador Edson Bueno foi empossado no cargo de diretor da Escola Judicial do Tribunal.

Novos tempos:

Esta é a primeira vez, desde a fundação do TRT no Estado, que duas mulheres assumirão juntas a Presidência do Tribunal do Trabalho. Para a presidente eleita, duas mulheres nos cargos mais altos da administração trabalhista de Mato Grosso representa o avanço social obtido na busca de igualdade de oportunidades.

Avaliações:

O governador de Mato Grosso, Pedro Taques, prestigiou o evento e destacou a eficiência do TRT-MT. “Este é um Tribunal digno e sério. As duas desembargadoras vão conduzir esta corte trabalhista com dignidade e seriedade. Tenho certeza que elas vão conduzir o Tribunal com justiça”, avaliou.

Durante a cerimônia, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso (OAB-MT), Maurício Aude, destacou a importância da união. “Tenho certeza que essa nova administração continuará parceira dos advogados. Desejo dois anos de uma gestão profícua e com resultados para a advocacia, sociedade e magistrados”.

O desembargador Edson Bueno destacou a competência e o preparo das duas magistradas. “Tenho certeza do êxito desta gestão. As desembargadoras darão sequência a esse olhar diretamente para as pessoas, cada uma com suas dignidades e diferenças”, afirmou.

O presidente da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 23ª Região (Amatra), juiz Aguinaldo Locatelli, também parabenizou. “A Amatra 23, por intermédio dos magistrados, estende as mãos para que possamos juntos cumprir a missão de pacificar a sociedade. Tenho certeza que essa nova gestão será pautada pela ética, impessoalidade e moralidade”.

Convidados de Peso:

Também estiveram presentes na cerimônia:

Os ministros do Tribunal Superior do Trabalho, Márcio Eurico Vitral Amaro e Guilherme Caputo Bastos.
O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Estado de Mato Grosso, Maria Helena Póvoas;
O presidente do Tribunal de Justiça, Paulo da Cunha
O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho-MT, Fabrício de Oliveira
O presidente da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho, Aguinaldo Locatelli,
O desembargador aposentado do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, Humberto Theodoro Júnior, que é pai da desembargadora Beatriz.

A posse foi prestigiada ainda pelos desembargadores aposentados do TRT-MT José Simioni, Leila Calvo e Maria Berenice Souza.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Terezinha de Jesus Lima
    06 Dez 2015 às 13:01

    Parabéns doutoras, conheço o histórico e a competência de vocês. Deus guia suas decisões e ilumine essa nova gestão.

  • Cuiabano
    06 Dez 2015 às 12:05

    Agora vai ter mais transparência.

Sitevip Internet