Olhar Direto

Quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

Notícias / Política MT

Galindo tem argumentos para não perder verbas do PAC

De Brasília - Vinícius Tavares

04 Ago 2011 - 09:23

Foto: Reprodução

Galindo tem argumentos para não perder verbas do PAC
O prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), permanece em Brasília, nesta quinta-feira (4), onde retoma as negociações com o governo federal para garantir os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 1 e 2 para Cuiabá, suspensos pelo Ministério das Cidades após boatos de privatização da Companhia de Saneamento da Capital (Sanecap).

Na opinião do Secretário de Assuntos Institucionais de Cuiabá, Ricarte Freitas, a suspensão do acordo para o repasse de R$ 241 milhões é um grande mal entendido e o prefeito tem argumentos suficientes para reverter a situação.

“O Ministério das Cidades decidiu suspender o repasse dos recursos com base em boatos e em notícias publicadas na imprensa a respeito da privatização da Sanecap. O prefeito está em Brasília para prestar todos os esclarecimentos à Caixa e ao Ministério”, informou.

De acordo com o secretário, o prefeito explicou aos representantes da Caixa Econômica que não foi aprovada a concessão, mas sim a criação de uma Agencia Reguladora que tem por objetivo discutir melhorias para a rede de abastecimento de água e tratamento de esgoto para Cuiabá.

Ricarte de Freitas acrescenta que a continuidade do processo de transformação da Sanecap em agência ainda nem foi decidido. “Qual será o modelo de gestão da Sanecap no futuro ainda não foi decidido. O que há é uma discussão sobre parcerias público privadas PPP, mas nada foi decidido”, disse Ricarte ao Olhar Direto, que acompanhará a reunião desta quinta-feira, direto de Brasília, entre Galindo e o ministro das Cidades, Mário Negromonte.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet