Olhar Jurídico

Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Notícias | Criminal

publicada no Diário

Justiça estadual recebe ação sigilosa contra Roseli Barbosa

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Justiça estadual recebe ação sigilosa contra Roseli Barbosa
Publicação no Diário de Justiça desta terça-feira (19) revela que o juiz Bruno D’Oliveira Marques, da Vara Especializada em Ação Cível Pública e Ação Popular de Cuiabá, recebeu processo sigiloso contra a ex-primeira dama de Mato Grosso, Roseli Barbosa, esposa de Silval Barbosa.

Leia também 
Processo e operação contra Emanuel miram irregularidades em contratações temporárias

 
Petição  inicial  foi recebida em relação a, além de Roseli, Rodrigo  de  Marchi, Sergio  Bruno  Mendes  Curvo  Gugelmin, Jean  Estevan Campos Oliveira, José de  Jesus  Nunes  Cordeiro, Elza Ferreira  dos  Santos Serviços – EPP, Elza  Ferreira  dos  Santos  e  Eleusino  Ataíde  Passos. Processo é sigiloso. Não há detalhes sobre a ação.
 
Conforme apurado pelo Olhar Jurídico, a ação é relacionada às operações Arqueiro e Ouro de Tolo, que investigaram a Roseli Barbosa por desvios de aproximadamente R$ 8 milhões na Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social de Mato Grosso (Setas), até o ano de 2014.
 
Bruno D’Oliveira decidiu ainda notificar o Estado de Mato Grosso, na pessoa de seu Procurador­-geral, para que, no prazo de 15 dias, manifeste se há interesse em integrar o processo.

Ao Olhar Jurídico, a defesa explicou que "a ex-primeira dama Roseli Barbosa é colaboradora da justiça, vem cumprindo irrestritamente os termos do acordo e os fatos noticiados já estão acobertados pelo acordo de colaboração que foi devidamente homologado pelo Supremo Tribunal Federal".
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet